Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Forças Armadas turcas na Síria continuam seu avanço em direção ao sul

Operação das forças armadas turcas no norte da Síria continua com as tropas se movendo em direção ao sul, disse o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan. 


Sputnik

"Nos EUA, eu vou levantar a questão da criação de uma zona de segurança. Podemos estimar uma área do tamanho de cinco mil quilômetros quadrados. Mais uma vez, vou enfatizar a contribuição da operação Escudo do Eufrates no norte da Síria na resolução da crise de refugiados. Atualmente, estamos nos movendo para o sul", disse ele a repórteres antes de partir para a Assembleia Geral das Nações Unidas. A notícia foi divulgada pelo canal NTV. 


Soldados turcos na Síria
Soldados turcos na Síria © AFP 2016/ BULENT KILIC

"Moradores de cidades sírias, especialmente de Jarablus, começaram a voltar para as cidades, que foram libertadas do Daesh. Com espalhamento da zona de segurança, o número de repatriados vai aumentar", declarou Erdogan. 

Apoio do ar 

A Força Aérea turca atacou as posições do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia em muitos outros países) no norte da Síria, informa a Reuters, citando o comunicado do exército turco. 

Segundo a agência, a operação visava atacar esconderijos, arsenal e outras bases dos terroristas.

Exército turco em 24 de agosto iniciou a operação Escudo do Eufrates contra o Daesh, e com a participação da oposição síria, retomou poder da cidade de Jarablus. Curdos sírios se referiram às ações turcas como agressivas e declararam que elas são dirigidas principalmente contra os curdos e não contra o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e reconhecido como pelo Brasil).



Postar um comentário

Postagens mais visitadas