Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Lavrov: EUA são incapazes de separar terroristas da oposição na Síria

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, declarou hoje (23), em discurso na 71ª Assembleia Geral da ONU, que os EUA são incapazes de cumprir a tarefa de separar a oposição dos terroristas na Síria. 


Sputnik

"O Conselho de Segurança e o acordo russo-americano prevê um regime de separação dos lados que querem participar do regime de cessar-fogo. Suponho que esta exigência foi apresentada pela primeira vez em janeiro ou dezembro. O objetivo em questão foi reiteradamente ressaltado. infelizmente, a coalizão liderada pelos EUA, que demonstrou compromisso com essa separação, é incapaz de executar esta tarefa" – disse Lavrov. 


Members of jihadist group Al-Nusra Front
Membros da Frente al-Nusra © AFP 2016/ KARAM AL-MASRI


Ele acrescentou que a oposição síria não contribuiu em nada para o cumprimento da trégua anunciada em 12 de setembro na Síria.

O chefe da diplomacia russa destacou ainda que Moscou poderia preparar um mapa mostrando os deslocamentos das posições da Frente al-Nusra, a fim de evitar reclamações e mal-entendidos a cada vez que este grupo terrorista for atacado.

Nas suas palavras, a separação entre oposição e terroristas permitirá "um regime estável de cessar-fogo para todos, com exceção da Frente al-Nusra". 


A delimitação de terroristas da chamada "oposição moderada" síria consta nos termos do acordo assinado entre Rússia e EUA sobre a Síria.

Postar um comentário