Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Força Aérea israelense anuncia estreia global do caça F-35 em combate

Israel foi o primeiro país ao qual os Estados Unidos autorizaram a venda do caça invisível
Juan Carlos Sanz | El País
Jerusalém - A Força Aérea de Israel revelou nesta terça-feira que foi a primeira a utilizar em combate o F-35, o ultramoderno caça furtivo indetectável para os radares inimigos. O chefe da aeronáutica israelense, general Amikam Nirkin, fez o comunicado aos comandantes das forças aéreas de vários países reunidos ao norte de Tel Aviv.

O general Nirkin mostrou a seus colegas – procedentes dos EUA, Itália, França, Índia e Brasil, entre outros países – a imagem de vários F-35 sobre Beirute, enquanto confirmava que esses aviões tinham participado de ataques em duas frentes.

“O esquadrão do F-35 está em operação e já sobrevoa todo o Oriente Médio”, afirmou o chefe da força aérea.

Nirkin reiterou que, há duas semanas, a Guarda Revolucionária iraniana disparou 32 foguetes contra as Colinas de Golã, planalto sírio ocupado por Israel desde 1967 e que, em resposta à agressão, a aviação…

Sistemas de mísseis S-300 russos apresentados no desfile militar em Teerã

Os sistemas de lançamento de mísseis S-300 da Rússia foram apresentados na quarta-feira (21), junto com outros modelos, durante um desfile militar que teve lugar em Teerã. 


Sputnik

O contrato russo-iraniano para fornecimento de sistemas S-300 ao Irã foi firmado em 2007, mas foi suspenso com a resolução 1929 do Conselho de Segurança da ONU, aprovada em 9 de junho de 2010, que proibiu a entrega ao Irã de armas modernas, incluindo mísseis e sistemas de mísseis. A respectiva proibição foi cancelada no ano passado.


Sistema de mísseis S-300 da Rússia
Sistema de mísseis S-300 © AP Photo/


Segundo a agência, durante o desfile os participantes puderam ver tanques, veículos blindados, sistemas de lançamento de mísseis e sistemas de defesa antiaérea modernizados. Além disso, foram demonstrados sistemas de mísseis de médio alcance – Chalamche e Mersad, sistemas de mísseis Qadr F e Sejjil (com alcance de até 2 mil quilômetros), novas bombas de aviação Qassed, mísseis Qaem, Nasr, Fakour 90, torpedos e outro material bélico.

Em paralelo, no porto sul da cidade de Bandar Abbas foi realizado um desfile de navios militares iranianos e exibidos sistemas navais e costeiros. 


O desfile contou com participação do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica do Irã, da polícia e da milícia iraniana Basij. 

O desfile militar do Irã se realiza em 21 de setembro, por ocasião do aniversário do início dos oito anos de guerra contra o Iraque (1980).

As informações são da agência iraniana Fars.  

 
Postar um comentário