Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha e Aeronáutica do Brasil auxiliam buscas a submarino argentino desaparecido, diz ministro

Segundo Raul Jungmann, três navios e um avião brasileiros já foram disponibilizados. Última vez que o submarino militar com 44 pessoas a bordo manteve contato com a base foi na quarta-feira (15).
Por G1, Brasília

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, publicou em seu perfil no Twitter neste sábado (18) que três navios da Marinha brasileira "já estão auxiliando" nas buscas a um submarino argentino que desapareceu com 44 tripulantes a bordo.

Ainda segundo o ministro, a Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou um avião para também ajudar na procura pelo submarino e um segundo avião "será deslocado para apoiar as buscas do submarino argentino desaparecido" a partir deste domingo (19).

O submarino militar ARA San Juan manteve contato com a base pela última vez na manhã de quarta-feira (15), quando estava no sul do Mar Argentino, a 432 quilômetros da costa patagônica do país.

De acordo com a FAB, o primeiro avião disponibilizado pelo Brasil decolou, com 18 tripulantes, às 17…

Temer cancela doação de três aeronaves para Moçambique

Governo da presidente Dilma se comprometeu a ceder “Tucanos”


Murilo Ramos | Época

O presidente interino, Michel Temer, retirou do Congresso o projeto de lei que previa a doação de três aeronaves do tipo Tucano – T-27 à Força Aérea de Moçambique.


Resultado de imagem para t-27 tucano

A iniciativa de fazer a doação partiu do governo da presidente afastada Dilma Rousseff. Deputados petistas disseram que essa seria uma forma de aproximação com Moçambique, um importante parceiro comercial do Brasil na África.

Em março de 2014, o assunto foi objeto de uma reunião do ex-ministro da Defesa Celso Amorim com representantes do governo moçambicano, em Maputo.




Postar um comentário