Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Estados Unidos elaboram sistema transportável de luta contra drones

A companhia norte-americana Sierra Nevada elaborou uma instalação compacta para luta contra drones que pode ser instalada em picapes e funcionar eficazmente durante o movimento, informa o portal Defense News.
Sputnik

O novo sistema chamado X-Madis pode detectar, identificar e atingir os alvos com meios de guerra eletrônica mesmo em movimento à velocidade de até 80 km/h. Entretanto, para usar o sistema basta um só operador que o poderá dirigir da cabine do veículo, comunica o portal.

Segundo explicaram na companhia, o X-Madis pode ser instalado em várias plataformas móveis, tais como picapes pesadas, veículos todo-o-terreno leves ou barcos.

Além disso, o sistema já foi testado em vários tipos de veículos militares que estão em serviço do exército norte-americano.

O novo dispositivo foi apresentado na exposição SOFIC 2018 que atualmente está sendo realizada em Tampa, no estado norte-americano da Flórida.

Daesh não está recebendo reforços em Mossul

Militares iraquianos não registraram chegada de reforços para os terroristas do Daesh na cidade de Mossul, informou à agência RIA Novosti o porta-voz do comando unificado de operações conjuntas das instituições de defesa do Iraque, general de brigada Yahya Rasul.


Sputnik


“A notícia da chegada de reforços da Síria para Mossul é uma desinformação do Daesh. Pelo contrário, os jihadistas demonstram a intenção de fugir de Mossul para a Síria”, disse o militar, adicionando que o exército iraquiano e as milícias xiitas estão monitorando todos os movimentos do Daesh. 


Exército iraquiano nos arredores de Mossul
Exército iraquiano próximo a Mossul © Sputnik/ Hikmet Durgun

Em 17 de outubro de 2016 as Forças Armadas do Iraque, juntamente com outros grupos armados que incluem as formações curdas peshmerga, iniciaram ofensiva contra Mossul, uma das duas "capitais" do grupo terrorista Daesh, que ocupou a cidade iraquiana em 2014, proclamando-a como um dos centros do seu "califado".



Postar um comentário