Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Avança ofensiva antiterrorista do Exército sírio no sul de Damasco

O exército sírio avançou hoje em sua ofensiva contra os terroristas do grupo Estado Islâmico ao destruir túneis e trincheiras erguidas na localidade de Hayyar Asswad e no Acampamento de Refugiados Palestinos de Yarmouk.
Prensa Latina

Damasco - Segundo fontes militares, com os ataques aos refúgios dos radicais do Estado Islâmico e da Frente al-Nusra, as tropas governamentais limitaram os movimentos dos takfiristas entre Qadam e Hayyar Asswad, no sul de Damasco.


De acordo com os informes, nas últimas horas o Exército tomou o controle das instalações de Joura, na parte oriental do bairro Qadam, e avançou nos distritos de Yalda e Bebila, vizinhos de Yarmouk.

Desde a última quinta-feira, a aviação síria e tropas terrestres realizam fortes bombardeios contra os grupos extremistas, com a determinação de libertar as áreas que esses grupos ocupam atualmente.

Até o momento, um elevado número de jihadistas, entre eles cinco cabeças emires, foram abatidos pelas tropas governamentais em aliança com br…

Documentos vazados indicam falta de capacidade militar da Alemanha

Alemanha pode ser incapaz de manter um nível adequado de combatividade militar, em função de problemas com a aquisição de aeronaves para sua força aérea, informou neste domingo a emissora RT, citando o jornal alemão Welt am Sonntag.


Sputnik


O jornal obteve acesso a um documento assinado pelo ministro da Defesa da Alemanha, Ursula von der Leyen, cujo conteúdo informa que o país está tendo problemas para suprir a demanda de equipamentos de combate necessários. 


Caças Eurofighter e aeronave de transporte Transall durante um voo de exibição no dia da Bundeswehr, 13.06.2016
Caças Tornado e Europhyter escoltando um C-160 da Força Aérea da Alemanha © flickr.com/ Bundeswehr/Vennemann

Em particular, o jornal observa que os aviões de transporte franco-alemães Transall C-160 serão aposentados em 2021 e é pouco provável que as forças armadas tenham acesso às novas aeronaves A400M Atlas antes de 2023. 


De acordo com o documento vazado, a cooperação militar com a França foi criticada pelos militares alemães, já que poderia levar à dependência a longo prazo de equipamentos franceses e as condições de manutenção de aeronaves não são adequadas sob o presente modelo.


Postar um comentário