Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Primeiro voo do Aero L-159T2

A Aero Vodochody realizou o primeiro voo do treinador a jato L-159T2 de dois lugares em 1º de agosto. O voo de 30 minutos foi conduzido pelos pilotos de testes da empresa Vladimír Kvarda e David Jahoda.
Poder Aéreo

A Força Aérea Tcheca encomendou três exemplares em 2016, que devem ser entregues até o final deste ano. As aeronaves L-159 são operadas pelas forças aéreas tcheca e iraquiana, pela empresa americana Draken International e, no passado, foram alugadas pela Força Aérea Húngara para treinamento de pilotos.

Estas novas aeronaves de assento duplo T2 têm uma fuselagem central e dianteira recém-construída e apresentam várias melhorias significativas, principalmente em equipamentos de cockpit e sistema de combustível, e são totalmente compatíveis com o NVG. Cada cockpit é equipado com duas telas multifuncionais e um assento de ejeção VS-20 atualizado. A aeronave também pode oferecer uma capacidade de reabastecimento sob pressão. O radar GRIFO, já em uso na versão de um único assento, a…

EUA sobre proposta humanitária russa em Aleppo: 'Tarde demais'

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Mark Toner, declarou nesta segunda-feira (17) declarou que "já é tarde" para adotar passos humanitários na cidade síria de Aleppo. 

Sputnik

Ao responder o correspondente do canal RT sobre a avaliação dos Estados Unidos em relação à proposta do Estado-Maior russo de realizar uma 'pausa humanitária' em Aleppo para o acesso de organizações de ajuda humanitária à região, o porta-voz afirmou que os EUA acolhem quaisquer ações para diminuir o sofrimento da população de Aleppo. 
Região controlada por rebeldes em Aleppo - foto de 29 de julho de 2016
Região controlada por rebeldes em Aleppo, Síria © AFP 2016/ KARAM AL-MASRI
"Nós acolhemos quaisquer ações que podem diminuir o sofrimento dos moradores de Aleppo, mas, pra falar a verdade, já é tarde demais para tais passos", disse Mark Toner. 
O chefe de Operações do Estado-Maior russo, tenente-general Sergei Rudskoi, declarou nesta segunda-feira (17) que Moscou estava pronta para interromper as hostilidades a qualquer momento e permitir o acesso das organizações humanitárias à cidade síria de Aleppo. 
Postar um comentário

Postagens mais visitadas