Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia quer ajudar Iraque a combater curdos em Kirkuk

A Turquia informou nesta segunda-feira que estava pronta para ajudar o governo iraquiano a expulsar os combatentes curdos da cidade de Kirkuk, informou AFP.
Sputnik

Ancara teme que a eventual independência do Curdistão iraquiano pode desencadear movimentos semelhantes entre a população curda na Turquia e saudou a operação das forças iraquianas para expulsar as forças do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) de Kirkuk.


"Estamos prontos para qualquer forma de cooperação com o governo iraquiano de modo a acabar com a presença do PKK no território do Iraque", disse o ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu.

O Conselho de Segurança Nacional do Iraque afirmou neste domingo que considerará a presença de militares curdos em Kirkuk como um "declaração de guerra".

Na segunda-feira, as forças iraquianas tomaram amplos territórios nos arredores da cidade, bem como uma base militar, um aeroporto e um campo petrolífero.

Em 2014, as tropas peshmerga curdas …

Gases tóxicos: Quase mil pessoas tratadas por problemas respiratórios ao sul de Mossul

Cerca de 1.000 pessoas foram tratadas por problemas respiratórios ligados a gases tóxicos de uma fábrica de enxofre que teria sido incendiada por militantes do Daesh (Estado Islâmico) perto da cidade de Mossul.


Sputnik


Nenhuma morte foi relatada em conexão com o incidente, disseram as fontes no hospital em al-Qayyara, uma cidade ao sul de Mossul, segundo relata a Reuters neste sábado (22). Os primeiros casos teriam começado a chegar na sexta-feira de manhã. 


Hospital em Mossul Iraque
Hospital em Mossul, Iraque © AFP 2016/ SAFIN HAMED

A fábrica de enxofre pegou fogo no início desta semana, enquanto o exército iraquiano expulsava os jihadistas do Daesh da área de Mishraq, norte de al-Qayyara. Ainda segundo a Reuters, militares dos EUA disseram que os militantes haviam deliberadamente ateado fogo na instalação.


Postar um comentário