Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Especialista: exército sírio deteve 300 militares franceses de diversas patentes

O presidente Vladimir Putin, em conversa com o presidente sírio Bashar Assad, em Sochi, declarou que, devido ao sucesso da luta antiterrorista das forças sírias e ao início do processo político, as tropas estrangeiras deveriam se retirar do território da Síria.
Sputnik

"A declaração de Vladimir Putin durante seu encontro com Bashar Assad, sobre a necessidade da retirada dos contingentes estrangeiros da Síria, arruína os sonhos dos agressores, que contam com a tentativa de realizar seus objetivos na região através de mercenários criminosos", disse à Sputnik Árabe Akram al Shalli, analista da Gestão Síria de Crise e Guerras Preventivas.

"Nas mãos do exército sírio há oficiais dos serviços de inteligência dos EUA, Grã-Bretanha, países árabes e Israel. Por exemplo, só o número de militares franceses de diversos escalões é de 300 pessoas. Notamos tentativas de exercer pressão sobre o governo sírio, inclusive para libertar os militares estrangeiros presos. Mas esses sonhos não p…

Peterburguenses recebem navio militar brasileiro

Embarcação "Brasil" atracou na Anglískaia naberêjnaia e está aberta a visitação.


Iana Rubina | saint-petersburg.ru

Chegou a São Petersburgo na última quinta-feira (29) a embarcação de treinamento da Marinha brasileira "Brasil". Ela está atracada no cais Anglískaia Naberêjnaia e aberta a visitação. 


Brazil ship
Embarcação "Brasil" tem presença mais recorrente entre as estrangeiras em São Petersburgo,e realiza longos trajetos com seus cadetes todos os anos. Foto:PhotoXPress

No dia da chegada, o comandante da base marinha militar Leningrad fez uma visita protocolar a bordo da embarcação brasileira.

O evento aconteceu com a participação de representantes da base e o embaixador brasileiro na Rússia, Antonio Jose Vallim Guerreiro.

Além disso, os tripulantes da embarcação "Brasil" irão depositar coroas e flores no monumento à "Mãe pátria" no sábado (1).

Os cadetes brasileiros também devem, como parte da agenda em São Petersburgo, visitar a Academia Militar Naval Kuznetsov, o Museu Central Militar Naval e o museu de artes Hermitage. Em reciprocidade, esses devem receber os cadetes russos na embarcação.

O navio "Brasil" terá portas abertas ao público somente no dia de outubro, das 14h às 17h.

A embarcação, utilizada principalmente para prática dos cadetes, é a mais recorrente dentre as estrangeiras em visita a São Petersburgo.

Ela percorre longos trajetos todos os anos para que os aspirantes navais fortaleçam na prática o conhecimento teórico adquirido na academia naval.



Postar um comentário