Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Avião militar dos EUA se aproxima de fronteira russa no Mar Báltico

Um avião de reconhecimento da Força Aérea dos EUA sobrevoou a costa russa na região do Mar Báltico. A informação foi divulgada por veículos ocidentais que acompanham a movimentação de aeronaves militares. 


Sputnik

Antes de se aproximar da fronteira russa na região de Kaliningrado, o avião RC-135W sobrevoou os territórios dos Países Baixos, Alemanha e Polônia. 


Avião de reconhecimento da Força Aérea dos EUA RC-135 (foto de arquivo)
Boeing RC-135 da USAF © AFP 2016/ GREG DAVIS / USAF


De acordo com os dados disponíveis, o avião decolou a partir da base aérea de Mildenhall, no Reino Unido.

Ultimamente, o trabalho de vigilância da Força Aérea dos EUA tem sido observado com mais intensidade nas regiões próximas às bases navais russas no Mar Báltico e Mediterrâneo, assim como na Síria. 


Em 23 de outubro, o avião de patrulha da Marinha dos EUA 'P-8A Poseidon' se aproximou das bases aéreas russas na Síria e em uma área do Mar Mediterrâneo onde supostamente se encontravam navios da Marinha da Rússia.


Postar um comentário