Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Corredor humanitário em Aleppo foi atacado

Ministério da Defesa russo declara sobre ataque ao corredor humanitário na Síria.


Sputnik


O corredor humanitário criado para saída de combatentes armados na região ocidental da rodovia Castello na cidade síria sofreu um ataque com tiroteio. 


Estrada Castello, onde foi organizado um dos corredores humanitários de Aleppo
Estrada Castello, em Aleppo, Síria © Sputnik/ Michael Alaeddin

Cerca de 50 representantes da mídia ocidental, russa e árabe estão sendo evacuados da área do corredor humanitário. 


"O fogo foi realizado com botijões de gás a partir de sistemas reativos de criação artesanal Canhão Inferno e com morteiros", divulgou o ministério. 

No site oficial do ministério na manhã de hoje foi iniciada a transmissão ao vivo a partir das áreas dos corredores humanitários, inclusive na da rodovia Castello. Mas como resultado do ataque, o ministério informou, por via de uma postagem no Facebook que a transmissão foi interrompida.

Segundo foi divulgado até o momento, dois militares russos foram levemente feridos no ataque dos militantes. Os militares já receberam tratamento médico e não existe ameaça à vida deles.

Nesta sexta-feira (4), em Aleppo está em vigor uma pausa humanitária. Estão funcionando seis corredores para a saída de civis da cidade e dois — para a saída de militantes.

Postar um comentário