Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel prende o governador palestino de Jerusalém

Motivo da detenção foram crimes cometidos na Cisjordânia ocupada, segundo a Organização para a Libertação da Palestina.
France Presse

Israel prendeu o governador palestino de Jerusalém por crimes que teria cometido na Cisjordânia ocupada, que não foram especificados, informou a Organização para a Libertação da Palestina (OLP).

O governador Adnan Gheith foi detido no sábado (20) à noite no bairro palestino de Beit Hanina, em Jerusalém Oriental, ocupada e anexada por Israel. Será apresentado a um tribunal dentro de quatro dias, afirma a OLP em um comunicado.

Para o dirigente da OLP Saeb Erakat, a detenção é "um novo passo contra a presença palestina em Jerusalém" e constitui uma violação da legislação israelense a respeito das instituições palestinas da cidade.

"As ameaças contra dirigentes palestinos, sua detenção, inclusive o 'sequestro' do governador Gheith, são parte de um plano que pretende sufocar todas as bases de uma solução política com dois Estados e com as f…

Exército sírio destrói unidade da Frente Fatah al-Sham na província de Daraa

Os confrontos entre o exército sírio e o grupo terrorista Frente Fatah al-Sham (ex-Frente al-Nusra) estão ocorrendo na província sudoeste de Daraa na Síria e já deixaram pelo menos 15 feridos e mortos, informou a agência SANA news na quinta-feira (10) ao citar fontes.


Sputnik


Segundo os dados, as forças do governo sírio destruíram uma unidade da Frente Fatah al-Sham na província de Daraa. De acordo com SANA news, os militantes perderam a maior parte de seu equipamento e armas. 


Fumaça liberada em ataque aéreo realizado pelas forças do governo sírio numa região da província de Daraa tomada por rebeldes, sul da Síria, 26 de outubro de 2016
Província de Daraa, na Síria © AFP 2016/ MOHAMAD ABAZEED

Nas últimas semanas, a mídia tem informado que o exército sírio fez avanços consideráveis contra os extremistas na província de Daraa, que faz fronteira com a Jordânia. Segundo dados, nessa província as forças dos EUA treinavam um grupo de rebeldes sírios. 


Desde março de 2011, Síria vive um conflito armado no qual o governo enfrenta grupos de oposição armados e organizações terroristas, incluindo Daesh e Frente al-Nusra (proibidos na Rússia e em vários outros países). A guerra na Síria, segundo avaliações da ONU, já provocou a morte de 300 a 400 mil pessoas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas