Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Análise: presidente ucraniano mata sua indústria ao introduzir novas sanções contra Rússia

O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, assinou um decreto sobre as sanções contra a Rússia adotadas pelo Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia. O especialista Eduard Popov falou com a Sputnik e indicou qual o principal objetivo perseguido pelo governo ucraniano com tal iniciativa.
Sputnik

Em 2 de maio, o Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia ampliou as medidas restritivas em relação a diversas pessoas físicas e jurídicas russas, bem como prolongou a vigência das sanções introduzidas anteriormente.

Segundo informou a assessoria de imprensa da entidade, as sanções são aplicadas a pessoas "relacionadas com a agressão no ciberespaço e no campo informacional" contra a Ucrânia, "ações criminosas" contra os cidadãos ucranianos detidos na Rússia, bem como aos deputados da Duma de Estado e do Conselho da Federação da Rússia.

O diretor do Centro de Cooperação Pública e Informativa "Europa", Eduardo Popov, disse ao serviço russo da Rádio Sp…

Exército sírio elimina quase todos os jihadistas da Frente al-Nusra no sul de Daraa

As forças governamentais da Síria eliminaram quase todos os combatentes pertencentes à Frente Fatah al-Sham (também conhecia como Frente al-Nusra) que estavam posicionados no sul de Daraa, no sudoeste da Síria, informou a agencia local SANA na quarta-feira(2), citando uma fonte militar.


Sputnik


Segundo SANA, dezenas de militantes do Daesh foram mortos pelo exército na província de Deir ez-Zor. O exército também alvejou uma série de esconderijos do Daesh e destruiu armas e munições que lá estavam armazenadas, informou a mídia. Além disso, vários terroristas também foram eliminados durante as operações das forças de Damasco na província de Latakia. 


Cidade de Daraa, Síria
Cidade de Daara, na Síria © REUTERS/ Alaa Al-Faqir

Os protestos ocorridos durante a chamada Primavera Árabe na Síria em 2001 resultaram em confrontos entre forças governamentais e oposição. Desde essa altura, esse país do Oriente Médio está atolado em uma guerra entre as autoridades de Damasco, numerosos grupos de oposição e também terroristas, especialmente o Daesh e a Frente al-Nusra (organizações terroristas proibidas em muitos outros países, incluindo a Rússia).


Postar um comentário