Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Rússia instala sistemas de mísseis nas Curilas

Complexos de mísseis Bastion e Bal foram instalados nas ilhas Curilas, nomeadamente em Iturup e Kunashir. 


Sputnik

A respectiva informação foi divulgada pela revista da Frota do Pacífico da Rússia e citada pela mídia russa, inclusive pela agência RIA Novosti.


Sistema de mísseis antinavio Bastion.
Sistema de mísseis antinavios Bastion © Sputnik/ Sergey Pivovarov


A revista não especificou quando os complexos militares foram instalados nas ilhas, mas notou que dois batalhões prestam serviço no local, um dos quais, localizado em Iturup, está se preparando para realizar ensaios destes mísseis. Um dos complexos pode ter até 36 mísseis.

Os complexos Bastion e Bal são destinados a controlar as águas territoriais e proteção da costa em zonas acessíveis para tropas de desembarque. 


O complexo Bastion tem um alcance de até 500 km; o sistema Bal é capaz de atingir alvos na distância de cerca 300 km. 

Uma das duas ilhas, Itutup, é um dos territórios reivindicados pelo Japão. Tóquio baseia-se no tratado de comércio bilateral e de fronteiras de 1855.

Postar um comentário