Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Especialistas: aumenta o risco de guerra entre os EUA, a Rússia e a China

O desenvolvimento de novos tipos de armas nucleares de "baixa potência" aumenta o risco de uma guerra entre os EUA, a Rússia e a China, segundo especialistas consultados por Newsweek.
Sputnik

O Pentágono está desenvolvendo dois novos tipos de armas nucleares, para acompanhar os progressos da Rússia e da China nesse terreno. Os especialistas tiveram acesso às minutas do projeto de doutrina nuclear norte-americana, que acusa Moscou e Pequim de ampliar as suas capacidades nucleares. 


Esse documento afirma a necessidade de "desenvolver e incorporar novos meios de contenção e de defesa dos objetivos, quando a contenção não funciona".

Entre outras medidas, o projeto revela a intenção de desenvolver ogivas nucleares de baixa potência para mísseis Trident, utilizados por submarinos da classe Ohio. Além disso, o departamento de Defesa dos EUA planeja desenvolver um míssil nuclear de baixa potência para suas bases marítimas.

O Pentágono considera o atual arsenal nuclear a disposi…

Ataque aéreo dos EUA em Mossul poderá ter morto 90 militares iraquianos

O ataque por engano da aviação norte-americana em Mossul resultou na morte dos mais de 90 pessoas, 100 ficaram feridas, informa a mídia local citando fontes no Estado-maior do exército iraquiano.


Sputnik


De acordo com o portal Factiniraq, o ataque dos EUA também danificou equipamento militar do exército iraquiano. Os soldados tiveram que se retirar do bairro onde estavam. 


Caça F-16 da Força Aérea dos EUA
F-16 da USAF © flickr.com/ Expert Infantry

Se informa que alguns dos militares que faziam parte da divisão atacada foram capturados pelos extremistas. 


Em 17 de outubro de 2016, as Forças Armadas do Iraque, juntamente com outros grupos armados que incluem as formações curdas peshmerga iniciaram ofensiva contra Mossul, uma das duas "capitais" do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia).


Postar um comentário