Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: 'Relatório do Pentágono distorce nossas intenções estratégicas'

A China rejeita firmemente as conclusões do relatório do Departamento de Defesa dos EUA sobre a situação militar e de segurança no país asiático, disse em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Lu Kang.
Sputnik

"Em 17 de agosto, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou o relatório sobre a situação militar e de segurança na China, interpretando mal as intenções estratégicas da China e apresentando a chamada ‘ameaça militar chinesa' […] Os militares chineses expressam sua firme oposição a esse respeito", diz a declaração.

"As alegações do relatório dos EUA são pura especulação", disse Kang, explicando que o programa de modernização do Exército chinês se destina a defender "os interesses da soberania, segurança e desenvolvimento do país" e para "providenciar a paz, estabilidade e prosperidade globais".

O porta-voz do ministério chinês também reiterou a posição firme de seu país em relação a Taiwan, que ele definiu como u…

Cidade Al-Tal na região de Damasco passa para controle do exército sírio

O exército do governo sírio está controlando totalmente a cidade de Al-Tal, na província de Damasco, em que antes da guerra moravam mais de 60 mil pessoas. 


Sputnik

Mais de 500 terroristas do grupo Frente al-Nusra e mais de 1.500 membros das suas famílias foram transportados da cidade de Al-Tal para a cidade de Idlib, informou o Centro para a Reconciliação na Síria russo. 


Soldados do exército sírio em seus caminhões militares gritando lemas em apoio ao presidente sírio Bashar Assad, entrando em uma aldeia perto da cidade de Jisr al-Shughour, ao norte de Damasco, Síria (Arquivo)
Exército sírio © AP Photo/


O Centro para a Reconciliação destacou que "antes de partirem, eles entregaram ao exército do governo todas as armas pesadas e mais de 200 armas ligeiras e munições".

As autoridades sírias cederam 44 ônibus para a sua partida.

No total, durante a última semana mais de 2,5 mil rebeldes foram anistiados em várias regiões. Os rebeldes aproveitaram a anistia declarada pelo presidente sírio Bashar Assad, cessaram a resistência e durante as negociações proclamaram seu desejo de partir com as famílias para Idlib. 


Anteriormente, em 1° de dezembro, a cidade de Khan al-Shih, localizada no subúrbio de Damasco, e mais 13 povoados ao seu redor estão sob total controle das autoridades sírias.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas