Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

O Brasil tem poder de fogo para proteger a riqueza da Amazônia Azul? (VÍDEO)

Devido à enorme riqueza natural, a porção de mar sob jurisdição brasileira é também conhecida como Amazônia Azul. A área é um dos mais importantes patrimônios naturais brasileiros e é uma preocupação para o setor de Defesa. Para comentar o assunto, a Sputnik Brasil ouviu Ricardo Cabral, pesquisador da Escola de Guerra Naval da Marinha do Brasil.
Sputnik

O pesquisador falou sobre a importância comercial e estratégica, o potencial energético, científico e as obrigações internacionais do Brasil com as áreas da Amazônia Azule seu entorno. Ele também descreveu o atual estado da esquadra da Marinha brasileira, que carece de investimentos e pleiteia junto ao novo governo federal uma fatia maior do orçamento público, limitado pela Emenda Constitucional nº 95.


Foi a própria Marinha brasileira que cunhou o termo "Amazônia Azul", em referência ao tamanho da biodiversidade e dos bens naturais encontradas em sua área. No entanto, a área marítima é ainda maior do que porção brasileira da flo…

Erdogan pede respeito geral ao cessar-fogo em Aleppo

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, exortou todas as partes nesta sexta-feira (16) a respeitar o cessar-fogo em Aleppo para permitir a evacuação contínua da maior cidade no norte da Síria. 


Sputnik

"Exorto todas as partes e a comunidade internacional a respeitar o acordo de cessar-fogo e a apoiar a efetuação do processo de evacuação", escreveu Erdogan em uma série de posts em sua conta no Twitter.


Resultado de imagem para recep tayyip erdogan
Recep Tayyip Erdogan

"A trégua intermediada pela Turquia em Aleppo e a continuação das evacuações é a última esperança que resta para os inocentes", acrescentou.

A evacuação de Aleppo oriental, parte de um acordo de cessar-fogo negociado por Moscou e Ancara, entrou em vigor na quinta-feira (15) depois de uma primeira tentativa fracassada na véspera. A evacuação, no entanto, foi suspensa nesta sexta-feira pelo governo sírio, que acusa a oposição de não respeitar os termos do acordo.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas