Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares dos EUA prometem responder a possível ataque turco contra cidade síria de Manbij

Os militares norte-americanos prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade síria de Manbij à luz de uma possível operação turca na área, afirmou o comandante do Conselho Militar de Manbij, que faz parte das Forças Democráticas da Síria (FDS), Ebu Adil.
Sputnik

Em entrevista à Sputnik Turquia, Ebu Adil comentou a resposta dos EUA às preocupações expressas pelos representantes do Conselho Militar de Manbij devido a um possível ataque contra a cidade síria por parte de Ancara.


"Há dois anos, em conjunto com as forças da coalizão liderada pelos EUA, nós limpamos Manbij do Daesh [organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países]. Desde então, na cidade se encontram forças da coalizão. Algum tempo atrás, nós falamos com os militares norte-americanos sobre um possível ataque da Turquia contra Manbij. Os militares dos EUA prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade, de onde quer que ele provenha", afirmou o comandante do conselho.

Além disso, ele …

Exército sírio interrompe ofensiva para civis saírem de Aleppo

As forças do governo sírio suspenderam a ofensiva para permitir aos civis saírem da cidade de Aleppo oriental, informou Igor Konashenkov, representante oficial do Ministério da Defesa russo.


Sputnik

Segundo o oficial russo, as tropas sírias continuarão a ofensiva para liquidar todos os terroristas após a segurança dos cidadãos locais ser garantida. 


Forças pró-governamentais estabelecem um posto militar no bairro de Sakan al-Shababi, em Aleppo oriental, após o terem reconquistado aos rebeldes, em 2 de dezembro de 2016
Exército sírio em Aleppo © AFP 2016/ GEORGE OURFALIAN

"Durante o período de retirada dos civis, as tropas sírias suspenderam a ofensiva", disse Konashenkov. 


Durante as últimas três semanas, tropas sírias e a milícia libertaram a maior parte do território de Aleppo oriental, dominado pelos terroristas em 2012. Segundo as fontes da milícia, atualmente, os radicais estão controlando oito bairros urbanos.

Postar um comentário