Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Helicóptero onividente: Ka-27M é capaz de detectar todo o tipo de navios e submarinos

Após finalizada a modernização, a aviação naval da Marinha russa recebeu o primeiro de oito helicópteros antissubmarinos Ka-27M.


Sputnik

O anúncio foi feito pelo holding Vertolyoty Rossii (Helicópteros da Rússia) na segunda-feira (19).

Helicóptero russo Ka-27 durante cumprimento de missão
Kamov Ka-27 © Sputnik/ Vasily Batanov

"Com novo sistema tático de comando, os Ka-27M modernizados poderão visualizar de forma panorâmica e detectar todos os tipos de navios e submarinos", comunicou a assessoria de imprensa da entidade. 

Os novos modelos dispõem de um alcance maior para detectar e atacar alvos do inimigo, além de terem novos sistemas de transmissão de dados em tempo real para centros de comando, tanto terrestres, como navais. 

A Vertolyoty Rossii afirma que planeja fornecer todos os oito helicópteros Ka-27M até o final de 2016.


Postar um comentário