Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

VÍDEO mostra fragata norueguesa afundando, tendo colidido após manobras da OTAN

A mídia divulgou novos vídeo e fotos da fragata norueguesa KMN Helge Ingstad, que colidiu com o navio petroleiro Sola TS junto à costa norueguesa em circunstâncias desconhecidas ao regressar das manobras da OTAN.
Sputnik

A fragata ficou com um grande rombo a estibordo atravessando a linha de água, sete marinheiros ficaram feridos. A tripulação abandonou o navio acidentado, que depois foi rebocado para águas menos profundas para evitar seu afundamento total.


Uns dias após o acidente (8), a fragata continua parcialmente acima da superfície da água, mas está completamente assente no fundo. Mais de 10 toneladas de combustível para helicópteros vazou para o mar.

Até o momento, não há nenhumas informações sobre o estado do armamento a bordo, incluindo mísseis de cruzeiro e antiaéreos, torpedos e artilharia.

O petroleiro Sola TS, por sua parte, não sofreu nenhum dano durante a colisão.

As razões do incidente estão sendo investigadas. Entre as possíveis causas estão a navegação da fragata em reg…

Lavrov: OTAN descumpre obrigações de segurança na Europa

O ministro russo das Relações Exteriores, Sergei Lavrov, declarou durante uma entrevista coletiva em Belgrado, que a Rússia não enxerga a vontade dos EUA em cumprir suas obrigações relativas à segurança na Europa. 


Sputnik

"Temos o interesse de que o entendimento de bloco não prevaleça na Europa, mas que haja um retorno àqueles valores, que foram proclamados no plano político no âmbito da OSCE. Antes de tudo, sobre a necessidade de garantir a indivisibilidade da segurança na Europa, de modo que ninguém tente assegurar a própria segurança em detrimento dos outros" – declarou Lavrov. 


O ex-comandante supremo da OTAN na Europa Philip Breedlove
Ex-comandante supremo da OTAN Philip Breedlove © AP Photo/ Virginia Mayo


Ele destacou, que, até o momento, Moscou ainda não enxerga "uma disposição da OTAN e seus membros em cumprir essas obrigações políticas". 

O ministro russo destacou ainda, que a Rússia avalia como provocação a ideia da implantação de uma unidade da OTAN no mar Negro.

"Quanto a certas iniciativas, o lado ucraniano tem muitas delas, e essas iniciativas, na minha opinião, já começam a provocar um certo cansaço em nossos parceiros. Temos a convicção de que, no âmbito da segurança, todas as decisões no mar Negro devem ser tomadas por países costeiros. Portanto, consideramos como provocação a ideia da Ucrânia, e também de nossos vizinhos romenos de mar Negro, em criar ali um grupamento ativo e permanente da OTAN" – explicou Lavrov.

Nesse sentido, ele disse ter esperanças de que, "agora, a situação irá se acalmar e nossos parceiros romenos tirem disso as mesmas conclusões corretas".



Postar um comentário

Postagens mais visitadas