Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel prende o governador palestino de Jerusalém

Motivo da detenção foram crimes cometidos na Cisjordânia ocupada, segundo a Organização para a Libertação da Palestina.
France Presse

Israel prendeu o governador palestino de Jerusalém por crimes que teria cometido na Cisjordânia ocupada, que não foram especificados, informou a Organização para a Libertação da Palestina (OLP).

O governador Adnan Gheith foi detido no sábado (20) à noite no bairro palestino de Beit Hanina, em Jerusalém Oriental, ocupada e anexada por Israel. Será apresentado a um tribunal dentro de quatro dias, afirma a OLP em um comunicado.

Para o dirigente da OLP Saeb Erakat, a detenção é "um novo passo contra a presença palestina em Jerusalém" e constitui uma violação da legislação israelense a respeito das instituições palestinas da cidade.

"As ameaças contra dirigentes palestinos, sua detenção, inclusive o 'sequestro' do governador Gheith, são parte de um plano que pretende sufocar todas as bases de uma solução política com dois Estados e com as f…

Levantamento das restrições ao fornecimento de armas agravará situação na Síria

O levantamento pelos EUA das restrições formais ao fornecimento de armas, munições e equipamento militar para os aliados ocidentais na luta com o terrorismo na Síria visa provocar uma nova escalada da tensão neste país, disse o vice-chefe do Comitê de Defesa da Duma de Estado, Yury Shvytkin. 


Sputnik

De acordo com o serviço de Imprensa da Casa Branca, o presidente dos EUA, Barack Obama, na quinta-feira (8) levantou as restrições formais ao fornecimento de armas, munições e equipamento militar para os aliados dos EUA envolvidos na luta contra o terrorismo na Síria. 


Cidade de Khan al-Shih veio sob o controle completo das autoridades sírias
Armamento apreendido com terroristas na Síria | Serviço de imprensa do Ministério de Defesa russo


"Eu acho que isto é um passo com um determinado objetivo, a criação de uma escapatória legal para armar a oposição moderada. E, claro, sob o pretexto do armamento da oposição moderada na luta contra o Daesh, também indiretamente o armamento dos terroristas", disse o deputado a RIA Novosti nesta sexta-feira (9).

De acordo com ele, há numerosos casos em que, sob o pretexto de a oposição moderada estar lutando contra o terrorismo, "na verdade, acontece exatamente ao contrário e o resultado disso é o recente ataque de morteiro contra o nosso hospital militar."

"Claro que este passo provoca perplexidade, e claramente, ele visa provocar, do meu ponto de vista, uma nova escalada da tensão na luta contra o terrorismo na República da Síria", acrescentou Shvytkin.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas