Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pyongyang: 3 porta-aviões perto da Coreia do Norte são uma ameaça de guerra nuclear

A ONU "fecha os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos EUA, que estão empenhados em causar um desastre catastrófico para a humanidade", declarou o embaixador norte-coreano na ONU, Ja Song-nam.
Sputnik

As autoridades norte-coreanas classificaram na segunda (13) o deslocamento sem precedentes de 3 grupos de porta-aviões dos EUA para a zona da península da Coreia como uma "postura de ataque".


O representante norte-coreano permanente na ONU, Ja Song-nam, expressou em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU o descontentamento do seu governo com os exercícios militares de Seul, Tóquio e Washington. Estes, segundo o diplomata, estão criando "a pior situação para a península da Coreia e seus arredores".

"Os EUA são os principais responsáveis por escalar as tensões e comprometer a paz", declarou Ja Song-nam.

Além da presença de 3 porta-aviões estadunidenses (Nimitz, Ronald Reagan e Theodore Roosevelt), Washington continua realizando voos de bombarde…

Operação de retirada de militantes de Aleppo está suspensa

Em 20 de dezembro, somente um ônibus com terroristas, em vez de oito planejados, saiu de Aleppo Oriental.


Sputnik

Essas informações foram confirmadas à Sputnik por uma fonte das forças de segurança sírias.


Soldados sírios na parte oriental de Aleppo, 16 de dezembro de 2016
Soldados sírios em Aleppo © AFP 2016/ STRINGER

Estava previsto que nesse dia oito ônibus levariam os últimos terroristas e suas famílias dos quarteirões de Fua e Kefraya para Idlib. Após isso, a cidade deveria ser declarada livre de terroristas. Mas somente um ônibus saiu da cidade, os militantes não deixaram sair as restantes viaturas. 


A fonte revela que atualmente estão sendo realizadas negociações que visam reiniciar a retirada de militantes de Aleppo. 

Na sexta-feira passada (16), o Ministério da Defesa da Rússia anunciou que Aleppo está sob controle total do governo da Síria e que o exército do país terminou a operação de libertação dos bairros orientais da cidade.

Postar um comentário