Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia não considera Patriot como alternativa ao S-400, diz parlamentar turco

Washington está negociando com Ancara quanto à possibilidade de fornecimento dos sistemas de defesa antiaérea norte-americanos Patriot no lugar dos S-400 russos, escreveu a revista turca Sabah, citando a assessora do Secretário de Estado dos EUA em questões políticas, Tina Kaidanow.
Sputnik

Kaidanow relevou que o Departamento do Estado está negociando com a Turquia para "tentar dar a entender aos turcos o que se pode fazer em relação aos Patriot".

"Estamos preocupados que a compra dos sistemas russos de defesa antiaérea seja uma espécie de apoio para a Rússia que, pelo que vimos, não se comporta bem em várias partes do mundo, inclusive na Europa", afirmou a assessora, citada pela edição turca.

Um representante do Ministério das Relações Exteriores turco, que pediu anonimato, comentou à Sputnik Turquia sobre a situação quanto às compras dos S-400 por Ancara, bem como quanto ao diálogo com os EUA.
"A nossa postura em relação aos S-400 foi reiterada por diversas vezes…

Rebeldes sírios dizem que novo acordo foi fechado para retirada em Aleppo

Reuters

BEIRUTE (Reuters) - Novo acordo foi fechado para completar a retirada de pessoas de áreas rebeldes ao leste de Aleppo, que ficou paralisada devido às demandas das forças pró-governo de que duas aldeias sitiadas por rebeldes também fossem evacuadas, disse um rebelde sírio ao canal de notícias al-Arabiya al-Hadath neste sábado.


Resultado de imagem para evacuação aleppo
Aleppo - De acordo com o governo, os milicianos bloquearam as saídas de duas áreas e os civis, que estão em ônibus, estariam sob fogo cruzado | Lusa/divulgação

O oficial rebelde al-Farouk Abu Bakr, falando de Aleppo, disse que o acordo incluiu a evacuação das duas aldeias xiitas sitiadas por insurgentes, a liberação de feridos de duas cidades sitiadas por forças pró-governo perto da fronteira libanesa e a evacuação total de Aleppo oriental rebelde.

As aldeias de al-Foua e Kefraya, na província de Idlib, são dominadas por insurgentes. As cidades de Madaya e Zabadani são bloqueadas por forças pró-governo.

A operação de retirada de pessoas das últimas áreas controladas pela oposição na cidade síria de Aleppo foi suspensa na sexta-feira depois que milícias pró-governo exigiram que pessoas feridas deveriam também ser retiradas de duas vilas xiitas cercadas pelos combatentes rebeldes.




Postar um comentário

Postagens mais visitadas