Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel prende o governador palestino de Jerusalém

Motivo da detenção foram crimes cometidos na Cisjordânia ocupada, segundo a Organização para a Libertação da Palestina.
France Presse

Israel prendeu o governador palestino de Jerusalém por crimes que teria cometido na Cisjordânia ocupada, que não foram especificados, informou a Organização para a Libertação da Palestina (OLP).

O governador Adnan Gheith foi detido no sábado (20) à noite no bairro palestino de Beit Hanina, em Jerusalém Oriental, ocupada e anexada por Israel. Será apresentado a um tribunal dentro de quatro dias, afirma a OLP em um comunicado.

Para o dirigente da OLP Saeb Erakat, a detenção é "um novo passo contra a presença palestina em Jerusalém" e constitui uma violação da legislação israelense a respeito das instituições palestinas da cidade.

"As ameaças contra dirigentes palestinos, sua detenção, inclusive o 'sequestro' do governador Gheith, são parte de um plano que pretende sufocar todas as bases de uma solução política com dois Estados e com as f…

Turquia e Exército Livre da Síria bombardeiam povoados curdos

Os militares turcos e destacamentos do Exército Livre da Síria estão realizando ataques contra o cantão de Afrin, localizado ao norte da fronteira sírio-turca e que está sob controle do Partido da União Democrática curda.


Sputnik


O ministro da Defesa do cantão do Afrin, Abdo Ibrahim, informou à Sputnik Turquia que povoados perto de Afrin, localizado entre Al-Bab e Manbij, estão sendo sujeitos a ataques da Força Aérea da Turquia e dos destacamentos do Exército Livre da Síria que usam armamento pesado. Segundo disse Ibrahim, o lado turco bombardeia com obuses, enquanto o Exército Livre da Síria usa morteiros e lançadores múltiplos de foguetes Katyusha. 

Membros do Exército Livre da Síria
Militantes do Exército Livre da Síria © REUTERS/ Msallam Abd Albaset

"Nos últimos dias, os militares turcos e os destacamentos do Exército Livre da Síria intensificaram os ataques contra o cantão. Ontem, na direção do povoado de Kitne, que faz parte de Afrin, foram lançadas seis granadas de morteiro e realizados ataques com mísseis. Os ataques resultaram em feridos entre civis. Além disso, morreu um soldado nosso, membro dos destacamentos da milícia que garante a defesa do cantão", afirmou o ministro da Defesa do cantão do Afrin. 

Segundo disse Ibrahim, "os feridos foram levados aos hospitais da cidade de Afrin. O estado de saúde de alguns deles é grave. Quaisquer que sejam os ataques, o povo de Afrin continuará protegendo seus povoados e a sua cidade". 

Ibrahim também apontou que por vezes Afrin sofre ataques do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia), mas os habitantes conseguem repelir seus ataques.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas