Argentina planeja importar ao menos 15 caças russos MiG-29

A Argentina se juntou aos 25 países que já possuem aviões MiG-29 russos, caças ligeiros de 4ª geração destinados a missões de defesa antiaérea, domínio aéreo e destruição de alvos tanto aéreos como terrestres.


Sputnik

As autoridades argentinas estão dispostas a comprar pelo menos 15 aviões de combate MiG-29 russos, já tendo sido enviadas as respectivas propostas comerciais, afirmou o vice-chefe da Agência Federal para a Cooperação Técnico-Militar russa, Anatoly Punchuk, nesta sexta-feira (27), durante a apresentação internacional do caça MiG-35 russo na cidade de Lukhovitsy. 


Resultado de imagem para mig 29
Mig 29 Fulcrum

"A Argentina nos enviou propostas comerciais quanto à compra de pelo menos 15 caças MiG-29 russos e estamos preparando a resposta", afirmou Punckuk.

Porém, o alto responsável da Agência Federal para a Cooperação Técnico-Militar não especificou de que modelo do MiG-29 se trata.

Punchuk também adiantou que os produtores russos participam da licitação organizada pelas autoridades colombianas para a compra de caças, propondo seu modelo MiG-29. Além disso, o responsável afirmou que o Peru também pode vir a importar aviões de combate russos para sua Força Aérea.

Punchuk assinalou que o Peru já possui caças de fabricação russa e "considera comprar mais um lote se baseando na experiência de exploração destes aviões".

O MiG-29 é o avião de combate de 4ª geração destinado à eliminação de todos os alvos aéreos através de mísseis guiados e fogo de canhão em todas as condições meteorológicas, no espaço aéreo e próximo da superfície terrestre, inclusive em situações com interferências, podendo ainda eliminar alvos terrestres por meio de projéteis não guiados.

Atualmente, para além das Forças Armadas da Rússia, mais de 25 países possuem aparelhos MIG-29 em operação.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas