Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Aviões de reconhecimento dos EUA voam perto das fronteiras russas no Báltico

A OTAN está intensificando os voos de reconhecimento perto das fronteiras com a Rússia no mar Báltico, comunica a mídia ocidental. 


Sputnik

Aviões militares norte-americanos e suecos realizaram voos de reconhecimento operacional perto das fronteiras terrestres e marítimas da Rússia em Kaliningrado, segundo comunicam várias mídias de países ocidentais.

RC-135
Boeing RC-135 © flickr.com/ Lance Cheung

Segundo a última informação, um avião de reconhecimento estratégico da Força Aérea dos EUA RC-135W, que partiu da base aérea de Mildenhall, na Grã-Bretanha, se aproximou da fronteira sul da região de Kaliningrado. Voando no espaço aéreo da Polônia acima de 10 quilômetros de altitude, ele realizou uma missão de reconhecimento radiotécnico do território russo durante duas horas.

Paralelamente, um avião de reconhecimento sueco Gulfstream 4 se aproximou do litoral russo no mar Báltico. Sobrevoando as águas internacionais do Báltico, ele também efetuou o reconhecimento do litoral de Kaliningrado.

Durante toda a semana, o RC-135W tinha realizado voos de reconhecimento perto das fronteiras de Kaliningrado, enquanto outro avião AWACS E-3A sobrevoou o mar Negro, efetuando a mesma missão perto da Crimeia.

Segundo os analistas, os voos de reconhecimento da OTAN são realizados no pano de fundo do deslocamento de sistemas S-400 e Iskander para a região de Kaliningrado e da instalação de mísseis interceptores na cidade de Serpukhov, na região de Moscou.




Postar um comentário

Postagens mais visitadas