Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

O que acontece quando desaparece um submarino como o argentino ARA San Juan

As autoridades argentinas continuam com as buscas para tentar localizar o submarino ARA San Juan, que estava em uma missão de treinamento e desapareceu na última quarta com 44 tripulantes a bordo.
BBC Brasil


A Marinha argentina revelou que, no último contato, o subcomandante afirmou que a embarcação apresentava um curto-circuito no sistema de baterias.


O submarino fazia o trajeto entre o Ushuaia, no sul do país, e a base naval de Mar del Plata, mais ao norte, quando deixou de se comunicar e sumiu dos radares. Segundo a Marinha, a tripulação teria comida e oxigênio para mais dois dias.

O governo argentino conta com a ajuda de vários países para realizar as buscas, incluindo Brasil e Estados Unidos.

Mas quais são principais dificuldades em uma operação para localizar um submarino? A BBC tenta responder a esta e a outras perguntas sobre o tema.

Por que submarinos não podem ser detectados?


Os submarinos são construídos para serem difíceis de se encontrar. O papel deles é participar, com frequênc…

Bomba americana da Segunda Guerra Mundial encontrada em Hong Kong

Dezenas de pessoas foram evacuadas em Hong Kong de um estaleiro de construção e dos edifícios que ficam perto devido à descoberta de uma bomba de 220 quilogramas dos tempos da Segunda Guerra Mundial, escreve, na segunda-feira (23), o jornal South China Morning Post.


Sputnik


Segundo dados do South China Morning Post, a bomba foi encontrada durante trabalhos de construção no sul da cidade. Foram evacuados mais de 30 trabalhadores, bem como dezenas de pessoas do campus da universidade local. No local já se encontram sapadores para neutralizar a bomba.

Uma vista de Hong Kong
Hong Kong © Sputnik/ Sergei Guneev

A investigação prévia do objeto revelou que a bomba americana dos tempos da Segunda Guerra Mundial pesa cerca de 226 quilogramas e tem um comprimento de 1,20 metros, declarou o funcionário da polícia local. Segundo as palavras dele, é extremamente perigoso transportar a bomba, por isso a zona em um raio de 400 metros do lugar da descoberta foi cercada para desativar a bomba sem a transportar.


Postar um comentário