Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Caças da OTAN continuam realizando voos de treinamento perto da Rússia

Caças da Força Aérea da Alemanha Eurofighter Typhoon, que executam missões da proteção do espaço aéreo dos países do Báltico, vão realizar voos de treinamento diários sobre a Estônia durante esta semana, comunicou o Estado-Maior do país.


Sputnik

"Os caças da Aviação Militar da Alemanha efetuarão voos nos dias de trabalho a altitudes superiores a 152 metros, longe de povoações. Os voos vão ser realizados na primeira parte do dia", diz o comunicado. Os caças estão estacionados na base militar de Emari (região de Tallinn).


Eurofighter Typhoon das forças armadas da OTAN
Eurofighter Typhoon © Foto: UK Ministry of Defence

Tais voos são regularmente realizados por aviões de vários países da OTAN, que efetuam a proteção do espaço aéreo do Báltico em regime rotativo.

Estes voos se baseiam em acordos especiais entre os países da OTAN, segundo os quais em cada país do Báltico existem zonas especiais para voos de treinamento.

Os países do Báltico não possuem aviões de patrulha, por isso após a sua integração à OTAN (em 2004) tais missões são realizadas por aeronaves da Aliança, estacionadas na Lituânia e na base de Emari (Estônia).


Postar um comentário