Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Congresso norte-americano declina proposta de privar Trump de acesso ao botão nuclear

Apesar do descontentamento de vários congressistas, o Congresso norte-americano decidiu não examinar o projeto de lei que limitaria os poderes do presidente relativamente à utilização de armas nucleares.


Sputnik


O Congresso dos EUA não vai debater o projeto de lei, anunciou o chefe da Comissão para as Forças Armadas da Câmara dos Representantes, Mac Thornberry. 

O grande botão vermelho
O botão vermelho da guerra nuclear © flickr.com/ wlod

"O chefe da Comissão não considera necessário reexaminar a nossa política de primeiro golpe (nuclear)", declarou Thornberry à Sputnik Internacional.

Segundo ele, o texto do projeto de lei não pode ser sujeito à Comissão para ser discutido. Por isso, os atores da iniciativa não podem contar com a mudança da política nuclear ao introduzir mudanças na Lei da Defesa Nacional para o exercício financeiro de 2018.

Entretanto a revisão deste projeto da lei não pode ser iniciada porque a administração Trump não vai publicar o projeto de orçamento para este período.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas