Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares norte-americanos acreditam que EUA entrarão em guerra

Quase metade do Exército dos EUA está confiante de que durante o ano de 2019 seu país estará envolvido em um grave conflito armado, de acordo com o Military Times.
Sputnik

Segundo uma pesquisa recente, 46% dos participantes não duvidam que o confronto militar ocorrerá no próximo ano.


A título de comparação, em 2017, apenas 5% dos militares dos EUA esperavam um conflito armado, enquanto 50% descartaram um cenário de guerra e 4% não responderam.

Quanto aos inimigos mais prováveis, os soldados dos EUA mencionaram principalmente a Rússia e a China. Respectivamente, 72% e 69% dos entrevistados escolheram esses dois países.

Além disso, cerca de 57% estão preocupados com a presença de extremistas islâmicos nos Estados Unidos. Em particular, 48% destacaram uma possível ameaça por parte dos grupos terroristas Daesh e Al Qaeda (proibidos na Rússia e em outros países).

Daesh destrói parte do Teatro Romano em Palmira e famoso Tetrápilo de Palmira.

Daesh destrói parte do Teatro Romano em Palmira e famoso Tetrápilo de Palmira.


Sputnik

Os jihadistas do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia) destruíram parte do Teatro Romano da cidade síria de Palmira. 




De acordo com a mídia local, ontem (19) os extremistas realizaram execuções em massa neste local.

A fachada do monumento histórico está completamente destruída, informa o canal estatal sírio. Contudo, por enquanto não se pode saber toda a escala dos danos.

Os extremistas também demoliram o famoso Tetrápilo de Palmira.

Em 18 de janeiro o exército sírio, apoiado pela Força Aeroespacial da Rússia, começou a operação contra Daesh em Palmira.

Em 11 de dezembro de 2016, o Daesh atacou e recapturou Palmira, que tinha sido libertada dos terroristas pelo exército sírio com ajuda de aviões russos em março do ano passado. A antiga cidade tem sofrido o domínio do Daesh por oito meses. Entre 4 e 5 mil militantes, incluindo centenas de homens-bomba, participaram do ataque.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas