Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

PropHiper - Mais rápido do que uma bala

Pesquisadores brasileiros desenvolvem veículo aéreo que se deslocará em velocidade hipersônica
DefesaNet

Se tudo correr como planejado, a Força Aérea Brasileira (FAB) realizará dentro de dois anos o ensaio em voo do primeiro motor aeronáutico hipersônico feito no país. O teste integra um projeto mais amplo cujo objetivo é dominar o ciclo de desenvolvimento de veículos hipersônicos, que voam, no mínimo, a cinco vezes a velocidade do som, ou Mach 5.
Mach é uma unidade de medida de velocidade correspondente a cerca de 1.200 quilômetros por hora (km/h). O programa é coordenado pelo Instituto de Estudos Avançados (IEAv), um dos centros de pesquisa do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) da FAB, em parceria com a empresa Orbital Engenharia, ambos de São José dos Campos (SP).

Além do motor hipersônico, o projeto Propulsão Hipersônica 14-X (PropHiper), iniciado em 2006, prevê a construção de um veículo aéreo não tripulado (VANT), onde o motor será instalado. Batizado de 14-X, …

EUA deslocarão 24 helicópteros de combate para a Coreia do Sul

Até fevereiro deste ano os EUA planejam implantar na Coreia do Sul 24 helicópteros de combate AH-64 Apache para resistir a possíveis provocações por parte de Pyongyang. 


Sputnik

"Parte do batalhão de helicópteros Apache será temporariamente deslocada para a base aérea de Suwon", cita agência Yonhap as palavras do representante do comando americano. 

Helicópteros AH-64 Apache nos exercícios militares Trident Juncture 2015, da OTAN
AH-64 Apache © REUTERS/ Paul Hanna

Os helicópteros de combate AH-64 Apache devem substituir helicópteros leves 30 OH-58D Kiowa Warrior. Washington espera desta forma aumentar a prontidão de combate dos militares americanos em caso das provocações por parte da Coreia do Norte. 

Ontem, o ex-diplomata norte-coreano que fugiu de Londres para a Coreia do Sul declarou que Pyongyang tem intenções de terminar os trabalhos de elaboração do míssil balístico intercontinental até 2018. 

Segundo a agência Yonhap, os mísseis em questão são os KN-08, com lançadores móveis e alcance superior a 13 mil quilômetros, ou seja, capazes de atingir a parte continental dos EUA.

Mais tarde a chancelaria norte-coreana disse que o país pode lançar o míssil a partir de qualquer lugar e em qualquer hora. 

Ashton Carter, chefe do Pentágono, advertiu que os EUA vão abater o míssil se este ameaçar a segurança nacional norte-americana.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas