Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares dos EUA prometem responder a possível ataque turco contra cidade síria de Manbij

Os militares norte-americanos prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade síria de Manbij à luz de uma possível operação turca na área, afirmou o comandante do Conselho Militar de Manbij, que faz parte das Forças Democráticas da Síria (FDS), Ebu Adil.
Sputnik

Em entrevista à Sputnik Turquia, Ebu Adil comentou a resposta dos EUA às preocupações expressas pelos representantes do Conselho Militar de Manbij devido a um possível ataque contra a cidade síria por parte de Ancara.


"Há dois anos, em conjunto com as forças da coalizão liderada pelos EUA, nós limpamos Manbij do Daesh [organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países]. Desde então, na cidade se encontram forças da coalizão. Algum tempo atrás, nós falamos com os militares norte-americanos sobre um possível ataque da Turquia contra Manbij. Os militares dos EUA prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade, de onde quer que ele provenha", afirmou o comandante do conselho.

Além disso, ele …

Explosão em Bagdá deixa dezenas de mortos

Um homem bomba teria provocado a explosão na manhã desta segunda-feira (2). Estado Islâmico reivindicou a autoria do ataque.


G1


Uma explosão na manhã desta segunda-feira (2) em um mercado em Bagdá, a capital do Iraque, deixou ao menos 24 mortos. A BBC informou que o ataque foi provocado por um homem bomba. O Estado Islâmico reivindicou o ataque em um anúncio divulgado pela agência Amaq, que é ligada à organização terrorista. 

Resultado de imagem para homem bomba cidade sadr bagda
Ataque a bomba em Bagdá, Iraque (Foto: Karim Kadim/AP)

O número de vítimas ainda não está claro. A agência Reuters diz que 24 pessoas morreram. A France Presse afirma que foram 32. Já a BBC indica 35 mortos e mais de 60 feridos.

As vítimas do atentado são em sua maioria trabalhadores que esperavam para ser contratados em uma praça de Cidade Sadr, um bairro situado no nordeste de Bagdá que já foi palco de vários atentados mortíferos no passado, segundo a France Presse.

Postar um comentário