Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Morte made in Brazil: conflitos no Oriente Médio alavancam exportação de armamento do país

Uma missão árabe chegou ao Brasil interessada na compra de cargueiros KC-390 fabricados pela Embraer. A visita é resultado do esforço do Grupo Parlamentar Brasil-Arábia Saudita, criado no início deste mês, para aproximar os dois países no campo de defesa militar.
Sputnik

O KC-390 vai substituir os Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB), é o maior avião produzido na América e foi concebido como um jato militar de transporte, anunciado pela primeira vez na edição de 2007 da Latin America Aero & Defence (LAAD), no Rio de Janeiro. A produção do avião, com capacidade para 23 toneladas de carga, envolve parcerias com fornecedores de peças de Argentina, Portugal e República Tcheca. Com um custo unitário de US$ 85 milhões, o KC-390, em fase final de testes, tem recebido propostas de compra de vários países.



A compra do cargueiro, porém, é apenas um detalhe na exportação brasileira de armamentos não só para a Arábia Saudita, como também para vários países do Oriente Médio e do Norte d…

Forças iraquianas eliminam 2 campos militares do Daesh

A Força Aérea do Iraque bombardeou, na província de Anbar, dois campos militares de treinamento de terroristas do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia). Pelo menos 45 combatentes foram eliminados, informa a Sputnik Árabe, citando declarações do comando.


Sputnik

Os ataques aéreos foram realizados na cidade de Al-Qaim, o último baluarte do Deash na província de Anbar, revela a Sputnik Árabe.


Forças governamentais do Iraque perto da cidade de Hit, na província de Anbar, 18 de março 2016
Tropas iraquianas © AFP 2016/ MOADH AL-DULAIMI

Segundo dados dos militares iraquianos, no primeiro campo militar foram mortos 15 terroristas, no segundo — cerca de 30, e mais 25 combatentes foram feridos. Além disso, munições e equipamento bélico do Daesh armazenados nos campos foram também destruídos.

Os militares do Iraque iniciaram ações militares ativas no oeste da província de Anbar, realizando, ao mesmo tempo, a operação contra o Daesh em Mossul, no norte do país.

A maior parte da província de Anbar, incluindo as cidades de Ramadi e Faluja, foi libertada do Daesh em 2016.



Postar um comentário