Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Não à corrida nuclear: Rússia está pronta a reduzir armas nucleares junto com os EUA

A Rússia está pronta para efetuar a redução das armas nucleares, sendo que nunca apoiou a corrida nuclear, segundo comunicou o senador russo Oleg Morozov.


Sputnik


O presidente eleito dos EUA Donald Trump apontou a possibilidade de assinar um acordo de redução das armas nucleares com a Rússia em troca do levantamento das sanções, comunica o Times. 

Central nuclear
Central nuclear © Sputnik/ Sergei Pyatakov

"Isto (a redução das armas nucleares) não é a condição do levantamento das sanções, mas é um dos temas que podemos discutir, se a parte norte-americana quiser… Nunca apoiamos a ideia da corrida nuclear, estamos interessados na sua redução", proclamou Morozov.

Entretanto, ele adiantou que a Rússia nunca vai ceder nas "questões básicas", acrescentando que as sanções não podem obrigar a Rússia a cumprir quaisquer condições.

Postar um comentário