Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Avança ofensiva antiterrorista do Exército sírio no sul de Damasco

O exército sírio avançou hoje em sua ofensiva contra os terroristas do grupo Estado Islâmico ao destruir túneis e trincheiras erguidas na localidade de Hayyar Asswad e no Acampamento de Refugiados Palestinos de Yarmouk.
Prensa Latina

Damasco - Segundo fontes militares, com os ataques aos refúgios dos radicais do Estado Islâmico e da Frente al-Nusra, as tropas governamentais limitaram os movimentos dos takfiristas entre Qadam e Hayyar Asswad, no sul de Damasco.


De acordo com os informes, nas últimas horas o Exército tomou o controle das instalações de Joura, na parte oriental do bairro Qadam, e avançou nos distritos de Yalda e Bebila, vizinhos de Yarmouk.

Desde a última quinta-feira, a aviação síria e tropas terrestres realizam fortes bombardeios contra os grupos extremistas, com a determinação de libertar as áreas que esses grupos ocupam atualmente.

Até o momento, um elevado número de jihadistas, entre eles cinco cabeças emires, foram abatidos pelas tropas governamentais em aliança com br…

Twitter hackeado informa sobre ataque de mísseis russos contra os EUA

A conta de Twitter do departamento de vídeo do jornal norte-americano New York Times informou na tarde do domingo (22) sobre um iminente ataque de mísseis russos contra os EUA.


Sputnik


A postagem foi logo excluída e publicada outra, explicando que a conta tinha sido hackeada por um malfeitor desconhecido. Cerca de 260 seguidores da página assistiram o desenvolvimento da situação.

Resultado de imagem para new york times

A postagem apareceu minutos antes das 10h00 dizendo: "Urgente: declaração vazada de Vladimir Putin diz a Rússia vai atacar os Estados Unidos com mísseis".

Já às 10h15 a conta informou: "Nós deletamos uma séria de tweets publicados nesta conta hoje sem a nossa autorização. Estamos investigando a situação".

Logo após deletar a postagem na página do New York Times Video apareceram outras duas, dos quais ficou claro que por trás do acontecido podem ter estado hackers do grupo OurMine, famoso por anteriores hacks de contas em redes sociais de grandes empresas, inclusive da Marvel e da Netflix.


Postar um comentário