Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Especialistas: aumenta o risco de guerra entre os EUA, a Rússia e a China

O desenvolvimento de novos tipos de armas nucleares de "baixa potência" aumenta o risco de uma guerra entre os EUA, a Rússia e a China, segundo especialistas consultados por Newsweek.
Sputnik

O Pentágono está desenvolvendo dois novos tipos de armas nucleares, para acompanhar os progressos da Rússia e da China nesse terreno. Os especialistas tiveram acesso às minutas do projeto de doutrina nuclear norte-americana, que acusa Moscou e Pequim de ampliar as suas capacidades nucleares. 


Esse documento afirma a necessidade de "desenvolver e incorporar novos meios de contenção e de defesa dos objetivos, quando a contenção não funciona".

Entre outras medidas, o projeto revela a intenção de desenvolver ogivas nucleares de baixa potência para mísseis Trident, utilizados por submarinos da classe Ohio. Além disso, o departamento de Defesa dos EUA planeja desenvolver um míssil nuclear de baixa potência para suas bases marítimas.

O Pentágono considera o atual arsenal nuclear a disposi…

Exército sírio elimina comandante de ataques aéreos do Daesh em Deir ez-Zor

Foi eliminado um comandante do Daesh em Deir ez-Zor, disse o general de uma brigada do exército sírio, Issam Zaheralden, ontem em entrevista à Sputnik Árabe, acrescentando que os locais não têm acesso ao aeroporto, onde recebem ajuda humanitária. Após isso o exército sírio iniciou uma ofensiva.


Sputnik


Exército começou a operação no bairro de al-Makabir e conseguiu avançar a uma distância de 1.500 metros em toda a linha da frente de 3 quilômetros. Entretanto os combates entre terroristas e exército continuam por toda a parte. 

Militares do exército sírio durante ataques contra colégios militares em Aleppo, 17 de agosto de 2016
Militares sírios © Sputnik/ Mikhail Alaeddin

Segundo comunicou o general Issam Zaheralden à Sputnik Árabe, 15 terroristas foram mortos durante os ataques aéreos na área de al Makabir, entre eles estavam o comandante das operações aéreas do Daesh, Abu Muhammed al-Adnani, e o comandante da região, Abu Walid al-Tarablusi.

Segundo fontes da agência, em resultado dos ataques aéreos, o filho do líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, saiu ferido. Seus apoiantes foram mortos.

Na véspera dos ataques, uma fonte militar comunicou à Sputnik Árabe que os aviões russos e sírios tinham realizado vários ataques contra os terroristas do Daesh na área de al-Makabir, Sirriya Jneed e Liwaa al-Taamid nos arredores de Deir ez-Zor, eliminando vários terroristas.

Postar um comentário