Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

TOA - MPF quer que Exército consulte indígenas antes de instalar microcentral hidrelétrica no Tumucumaque

Comunidades indígenas têm direito à consulta prévia, livre e informada sempre que empreendimentos afetem seu território
MPF | DefesaNet

O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça que determine à União, na figura do Exército Brasileiro, não instalar microcentral hidrelétrica na terra indígena do Parque do Tumucumaque (AP), até que sejam atendidos todos os requisitos constitucionais para a exploração de recursos hídricos em terra indígena. Além disso, há também a necessidade de avaliação dos impactos socioambientais do empreendimento, bem como a consulta livre, prévia e informada aos indígenas. A ação foi protocolada em 11 de outubro.

A microcentral tem o objetivo de fornecer energia elétrica para propiciar autonomia ao pelotão, composto por 45 militares, localizado na faixa de fronteira entre Brasil e Suriname, no parque do Tumucumaque. Atualmente, os militares contam apenas com oito horas diárias de energia elétrica, dependendo integralmente de geradores a diesel, óleo cujo trans…

Exército sírio elimina comandante de ataques aéreos do Daesh em Deir ez-Zor

Foi eliminado um comandante do Daesh em Deir ez-Zor, disse o general de uma brigada do exército sírio, Issam Zaheralden, ontem em entrevista à Sputnik Árabe, acrescentando que os locais não têm acesso ao aeroporto, onde recebem ajuda humanitária. Após isso o exército sírio iniciou uma ofensiva.


Sputnik


Exército começou a operação no bairro de al-Makabir e conseguiu avançar a uma distância de 1.500 metros em toda a linha da frente de 3 quilômetros. Entretanto os combates entre terroristas e exército continuam por toda a parte. 

Militares do exército sírio durante ataques contra colégios militares em Aleppo, 17 de agosto de 2016
Militares sírios © Sputnik/ Mikhail Alaeddin

Segundo comunicou o general Issam Zaheralden à Sputnik Árabe, 15 terroristas foram mortos durante os ataques aéreos na área de al Makabir, entre eles estavam o comandante das operações aéreas do Daesh, Abu Muhammed al-Adnani, e o comandante da região, Abu Walid al-Tarablusi.

Segundo fontes da agência, em resultado dos ataques aéreos, o filho do líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, saiu ferido. Seus apoiantes foram mortos.

Na véspera dos ataques, uma fonte militar comunicou à Sputnik Árabe que os aviões russos e sírios tinham realizado vários ataques contra os terroristas do Daesh na área de al-Makabir, Sirriya Jneed e Liwaa al-Taamid nos arredores de Deir ez-Zor, eliminando vários terroristas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas