Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares norte-americanos acreditam que EUA entrarão em guerra

Quase metade do Exército dos EUA está confiante de que durante o ano de 2019 seu país estará envolvido em um grave conflito armado, de acordo com o Military Times.
Sputnik

Segundo uma pesquisa recente, 46% dos participantes não duvidam que o confronto militar ocorrerá no próximo ano.


A título de comparação, em 2017, apenas 5% dos militares dos EUA esperavam um conflito armado, enquanto 50% descartaram um cenário de guerra e 4% não responderam.

Quanto aos inimigos mais prováveis, os soldados dos EUA mencionaram principalmente a Rússia e a China. Respectivamente, 72% e 69% dos entrevistados escolheram esses dois países.

Além disso, cerca de 57% estão preocupados com a presença de extremistas islâmicos nos Estados Unidos. Em particular, 48% destacaram uma possível ameaça por parte dos grupos terroristas Daesh e Al Qaeda (proibidos na Rússia e em outros países).

Militares do Exército trocam tiros com suspeitos na Avenida Brasil

Homens armados tentavam sair do Complexo do Chapadão pela Avenida Brasil. De acordo com o Ministério da Defesa, não houve presos ou feridos.


Por G1 Rio


O Ministério da defesa informou que militares do Exército reagiram à aproximação de um grupo de bandidos armados que tentava sair do Complexo do Chapadão, na Zona Norte do Rio, pela Avenida Brasil, na tarde desta terça-feira (21). 

Resultado de imagem para forças armadas av brasil
Tropa do Exército na Av. Brasil, Rio de Janeiro

Após uma intensa troca de tiros, os suspeitos teriam retornado para dentro da comunidade. A ação, segundo o ministério, não resultou em presos ou feridos.

Tiroteio na Zona Portuária

Na semana passada, um suspeito morreu após intensa troca de tiros com fuzileiros navais na Zona Portuária do Rio. Dois assaltantes tinham acabado de tentar roubar uma moto mas o alarme disparou.

Eles roubaram, então, outra moto e fugiram pela Avenida Brasil. Na altura do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), os suspeitos se depararam com um caminhão da Marinha e atiraram contra os militares. Os agentes revidaram e um suspeito foi morto.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas