Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Oficial do Hezbollah: nossos mísseis podem atingir qualquer ponto de Israel

O Hezbollah é capaz de atingir qualquer ponto em Israel com seus mísseis, disse Sheikh Naim Qassem, secretário-geral adjunto do movimento libanês Hezbollah em entrevista ao jornal iraniano al-Vefagh.
Sputnik

"Não há um único ponto nos territórios ocupados fora do alcance dos mísseis do Hezbollah", disse Qassem.


Segundo o alto funcionário, os mísseis servem para impedir Israel de iniciar outra guerra com o Líbano, expondo a "frente israelense".

Qassem comentou também a guerra na Síria, onde o Hezbollah desempenhou um papel ativo na assistência ao governo sírio contra vários agrupamentos terroristas, incluindo o Daesh e Frente al-Nusra (grupos terroristas proibidos na Rússia). O funcionário elogiou as vitórias alcançadas contra os terroristas, mas criticou os EUA por sua suposta obstrução ao processo de paz.

As tensões entre Tel Aviv e o movimento libanês xiita Hezbollah aumentaram em 4 de dezembro depois que as tropas israelenses lançaram a operação Northern Shield, dest…

Coreia do Norte ameaça 'esmagar completamente' os EUA em caso de agressão ao país

A Coreia do Norte ameaça "esmagar completamente" as tropas dos EUA não só no território sul-coreano, mas no território principal norte-americano, caso realizarem qualquer ataque contra o país, diz o comunicado publicado no jornal central norte-coreano de Rodong Sinmun.


Sputnik

O comunicado em questão foi publicado no mesmo momento da publicação da realização de um novo teste de míssil pela Coreia do Norte. 


Soldado do Exército da Coreia do Norte
Soldado da Coreia do Norte © AP Photo/ Wong Maye-E, File

"A nossa posição é a seguinte: se os EUA tentarem fazer qualquer coisa, serão, sem qualquer hesitação, esmagados completamente não apenas as tropas agressivas [norte-americanas] na Coreia do Sul, mas também no seu território principal", revela o comunicado.

Segundo o jornal, a estratégia especial e ataque preventivo, realizados pela Coreia do Norte, "serão completamente justificáveis".

"Basta apertar o botão para que América [EUA] se torne pó. Os EUA devem lembrar: na Península Coreana, um agressor imprudente e provocador não pode escapar da morte", aponta ao Rodong Sinmun o Comitê Central do Partido dos Trabalhadores da Coreia.

A Coreia do Norte realizou novo lançamento de um míssil balístico na quarta-feira (05) na área de Sinpo. Segundo a informação de Seul, o míssil voou cerca de 60 quilômetros e caiu no mar do Japão. As forças da Coreia do Sul estão em estado de alerta máximo.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas