Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Análise: presidente ucraniano mata sua indústria ao introduzir novas sanções contra Rússia

O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, assinou um decreto sobre as sanções contra a Rússia adotadas pelo Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia. O especialista Eduard Popov falou com a Sputnik e indicou qual o principal objetivo perseguido pelo governo ucraniano com tal iniciativa.
Sputnik

Em 2 de maio, o Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia ampliou as medidas restritivas em relação a diversas pessoas físicas e jurídicas russas, bem como prolongou a vigência das sanções introduzidas anteriormente.

Segundo informou a assessoria de imprensa da entidade, as sanções são aplicadas a pessoas "relacionadas com a agressão no ciberespaço e no campo informacional" contra a Ucrânia, "ações criminosas" contra os cidadãos ucranianos detidos na Rússia, bem como aos deputados da Duma de Estado e do Conselho da Federação da Rússia.

O diretor do Centro de Cooperação Pública e Informativa "Europa", Eduardo Popov, disse ao serviço russo da Rádio Sp…

Entre os mortos no bombardeio dos EUA estão 4 crianças

O ataque aéreo dos EUA contra a base aérea de Shayrat resultou na morte de 4 crianças, disse à Sputnik uma fonte em Homs.


Sputnik

"Segundo os nossos dados, entre os mortos estão quatro crianças. Elas eram de famílias simples que viviam perto da base aérea. Não tenho mais para dizer", declarou a fonte.


Consequências do ataque contra base aérea na Síria, 7 de abril de 2017
Consequências do bombardeio dos EUA à Síria © Sputnik/ Mikhail Voskresensky

Anteriormente um oficial da base aérea havia declarado sobre a morte de 10 efetivos.

Na madrugada desta sexta (noite da quinta-feira no Brasil), o presidente dos EUA, Doland Trump, ordenou um ataque com mísseis contra a base aérea de Shayrat, na província síria de Homs, por ter alegadamente servido também como base para um suposto ataque químico. O Pentágono informou que 59 mísseis Tomahawk foram lançados.


Postar um comentário