Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

PropHiper - Mais rápido do que uma bala

Pesquisadores brasileiros desenvolvem veículo aéreo que se deslocará em velocidade hipersônica
DefesaNet

Se tudo correr como planejado, a Força Aérea Brasileira (FAB) realizará dentro de dois anos o ensaio em voo do primeiro motor aeronáutico hipersônico feito no país. O teste integra um projeto mais amplo cujo objetivo é dominar o ciclo de desenvolvimento de veículos hipersônicos, que voam, no mínimo, a cinco vezes a velocidade do som, ou Mach 5.
Mach é uma unidade de medida de velocidade correspondente a cerca de 1.200 quilômetros por hora (km/h). O programa é coordenado pelo Instituto de Estudos Avançados (IEAv), um dos centros de pesquisa do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) da FAB, em parceria com a empresa Orbital Engenharia, ambos de São José dos Campos (SP).

Além do motor hipersônico, o projeto Propulsão Hipersônica 14-X (PropHiper), iniciado em 2006, prevê a construção de um veículo aéreo não tripulado (VANT), onde o motor será instalado. Batizado de 14-X, …

EUA implantam tropas e veículos blindados na fronteira turco-síria

Militares dos EUA começaram a implantar tropas e veículos blindados ao longo da fronteira turco-síria, desde Kobani até Kamyshlov, para evitar confrontos entre as forças turcas e as milícias curdas YPG, declarou à Sputnik Turquia uma fonte nas YPG.


Sputnik

A fonte explicou que as milícias curdas "acordaram com os Estados Unidos" os passos para evitar possíveis ataques da Turquia contra as YPG". 

Tanque norte-americano na fronteira entre a Síria e a Turquia | Twitter

Segundo acrescentou a fonte, os EUA prometeram envidar todos os esforços para prevenir novos ataques dos militares turcos.

Mais cedo, uma fonte nas Forças Democráticas da Síria (FDS) havia dito à Sputnik Turquia que, equipados com tanques norte-americanos, os curdos vão participar na investida de Raqqa, mas advertiu que, se a Turquia voltar a atacar as posições curdas, as FDS serão obrigadas a deixar Raqqa para defender seus territórios.

Na madrugada de terça-feira, 25 de abril, a aviação da Turquia lançou ataques contra as milícias curdas no norte da Síria e do Iraque, além de lançar um ataque de artilharia contra a região curda de Shahba, também situada no norte da síria.

O objetivo dos militares turcos foi destruir as bases das unidades curdas, ligadas ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), proibido na Turquia.

De acordo com dados de Ancara, na sequência dos bombardeios foram mortos cerca de 70 combatentes curdos.

A ofensiva turca provocou uma reação negativa por parte da Rússia, Síria, Irã e EUA.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas