Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Por que negociações entre Washington e Pyongyang estão condenadas ao fracasso?

Em vez de proferir mais ameaças, a administração Trump deve mostrar que é um parceiro de negociação confiável, escreve o The National Interest, acrescentando que é importante enviar sinais claros agora.
Sputnik

O presidente norte-americano Donald Trump continua tratando a sua administração como uma brigada de salvamento para a diplomacia internacional, mas os norte-coreanos não são estúpidos e não confiam em promessas, afirma o autor do The National Interest Doug Bandow no seu recente artigo.


"O desmantelamento nuclear da Líbia, em muito forçado pelos EUA no passado, se revelou um modo de agressão por meio da qual os norte-americanos convenceram os líbios com tais palavras doces como 'garantia de segurança' e 'melhoramento das relações' para desarmar o país e depois destruí-lo pela força", conforme notou o Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte, acrescentando que os norte-coreanos percebem as intenções dos EUA.

O autor, lembrando o caso da Líbia, …

Exército sírio retoma controle de rodovias importantíssimas em Hama

A aldeia Majdal, que fica no norte da província de Hama, é considerada um ponto estrategicamente importantíssimo, que foi atacado por terroristas no fim de março.


Sputnik

O exército governamental retomou controle do povoado e está realizando a desativação de minas nas áreas libertadas para que os civis possam voltar para suas casas.

Resultado de imagem para majdal siria
Imagem do YouTube | EuroNews

Uma fonte militar explicou à Sputnik Árabe que, perto da aldeia Majdal, há rodovias estrategicamente importantes, que ligam Hama, Masyaf e Mahrada. Por isso, o exército começou libertando as aldeias, cuja locação é importante para toda a região.

A infantaria síria realizou ataque contra posições dos terroristas depois dos realizados pela artilharia e aviação russa, disse a fonte. Isso ajudou a eliminar muitos franco-atiradores que estavam escondidos em telhados.

No dia 23 de março, extremistas da Frente al-Nusra e aliados atacaram alguns povoados no norte de Hama, 25 pessoas foram mortas em Majdal.

Postar um comentário