Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Estoniano armado com espingarda expulsa soldados da OTAN de seu terreno

Um morador da aldeia estoniana de Ohepalu exigiu a saída dos soldados da OTAN que entraram em seu terreno, disparando para cima com uma espingarda.


Sputnik

A Sputnik Estônia comunica que o incidente ocorreu no município de Kadrina, na Estônia. A polícia revelou que militares da Aliança Atlântica, que estavam participando dos exercícios Tempestade Primaveril (Spring Storm), entraram no terreno do estoniano de 56 anos. O homem local exigiu a saída dos oficiais, disparando com sua espingarda como forma de aviso.


Manobras militares Spring Storm da OTAN na Estônia
Militares da OTAN na Estônia © Sputnik/ Sergei Stepanov

No fim das contas, todos saíram ilesos, mas um caso judicial foi aberto contra o estoniano, que pode vir a ser preso por até 5 anos.

Os exercícios militares internacionais Tempestade Primaveril 2017, dos quais participam cerca de 9 mil militares de 15 países, estão sendo realizados na Estônia desde 8 de maio. A data oficial de conclusão dos exercícios é 26 de maio.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas