Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

China envia tropas para sua primeira base militar estrangeira

China envia militares para a sua primeira base militar estrangeira na República de Djibuti, pequeno país no nordeste da África.


Sputnik

A cerimônia solene do envio das tropas foi organizada no porto de Zhanjiang. Segundo a agência Xinhua, a decisão de criação da base do Exército de Libertação Popular (ELP) foi tomada pelos governos dos dois países, após negociações amistosas. Sublinha-se que esta inciativa é de interesse comum da China e Djibuti, informou South China Morning Post.

Militares chineses partem para Djibuti
Militares chineses partindo para Djibuti © REUTERS/ Stringer

Os militares chineses começaram a construir o complexo no ano passado. Trata-se da instalação da base naval para apoio a navios da Marinha do Exército de Libertação Popular da China, que participam de missões humanitárias e de paz ao longo da costa do Iêmen e da Somália. Não há informação sobre quando ela estará funcionando completamente.

Djibuti é um dos países do nordeste da África. Sua população equivale a 740 mil pessoas. No território do pais já há pontos de abastecimento da Marinha dos EUA, França e Japão.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas