Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Emmanuel Macron comemora reconquista de Mossul

O presidente da França, Emmanuel Macron, ofereceu uma homenagem, em seu Twitter, aos responsáveis pela libertação da cidade iraquiana de Mossul, que estava sob domínio dos terroristas do Daesh.


Sputnik

"Mossul liberada do Daesh: homenagem da França a todos aqueles que, com as nossas tropas, contribuíram para essa vitória", disse o chefe de Estado francês.


Resultado de imagem para macron
Emmanuel Macron, Presidente da França

Mais cedo, neste domingo, o primeiro-ministro do Iraque, Haider Abadi, anunciou que as Forças Armadas do país tinham conseguido derrotar completamente os militantes na cidade, acabando com um pesadelo que já durava desde 2014.



Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas