Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Troféus de guerra: tecnologias militares desviadas nos últimos 20 anos

A espionagem na indústria militar é uma das formas mais eficazes de obter a tecnologia que não se possui. Na guerra invisível conduzida pelos serviços secretos todos os meios são usados.
Sputnik

A Sputnik conta sobre as tecnologias das quais, em vários momentos, os governos conseguiram se apropriar. 

Drone desaparecido

Em 4 de dezembro de 2011, o mais novo drone stealth norte-americano RQ-170 Sentinel desapareceu no oeste do Afeganistão. Segundo o Pentágono, alguém "cortou" o canal de comunicação entre o drone e o operador. Cinco dias depois, um veículo aéreo não tripulado com características de design semelhantes foi apresentado na televisão iraniana. Ainda não se sabe exatamente como o controle do drone foi interceptado. Especialistas acreditam que isso não poderia ter acontecido sem um moderno sistema de guerra eletrônica entregue ao Irã pela Rússia ou China. Não há informações oficiais sobre esse assunto.

O ex-presidente dos EUA, Barack Obama, apelou às autoridades da Repúbl…

Gambito do Qatar: Turquia reforça contingente militar no país

As autoridades do Qatar comunicaram sobre o deslocamento de militares turcos para uma das bases na capital do país, comunica a Reuters.


Sputnik


Anteriormente havia sido comunicado que o primeiro grupo dos militares turcos chegou ao Qatar em 19 de junho para participar de exercícios conjuntos, comunica a Reuters. 

Militares turcos no Qatar, Doha
Militares turcos no Qatar © REUTERS/ Qatar News Agency

O acordo de deslocamento do contingente turco no Qatar entrou em vigor em junho de 2015.

Segundo os dados do Estado-Maior turco já em abril de 2016 foi assinado o acordo sobre o início de deslocamento do contingente turco no território do Qatar, que foi aprovado pelo Parlamento turco em 7 de julho de 2017.

O embaixador da Turquia no Qatar, Ahmet Demirok acrescentou que se planeja o deslocamento de cerca de 3 mil militares das forças terrestres, da Marinha e Força Aérea.

No dia 5 de junho, Arábia Saudita, Egito, Bahrein e Emirados Árabes Unidos declararam o rompimento das relações diplomáticas com Qatar, acusando Doha de financiar o terrorismo, de desestabilizar a região e de interferir na soberania dos Estados árabes. A decisão foi seguida por uma série de outros países árabes e Qatar passou a enfrentar sanções econômicas por parte dos seus vizinho no Golfo Pérsico. A Turquia não aprova isolamento do Qatar.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas