Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin passa para Trump a responsabilidade de resolver conflito na Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, passou a bola para que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, seja o responsável por resolver o conflito na Síria.
EFE

Helsinque - Em entrevista coletiva conjunta realizada nesta segunda-feira, em Helsinque, após a primeira cúpula entre os dois líderes, Putin também deu para Trump uma bola oficial da Copa do Mundo.

"No que se refere ao fato de a bola da Síria estar no nosso telhado, senhor presidente, o senhor acaba de dizer que organizamos com sucesso o Mundial de Futebol. Portanto, quero agora entregar esta bola. Agora, a bola está do seu lado", disse Putin.

O presidente russo fazia uma referência a uma frase do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que havia afirmado que a bola para resolver o conflito na Síria estava no telhado do Kremlin.

Trump agradeceu pelo presente e disse estar confiante de que EUA, México e Canadá organizarão em 2026 uma Copa do Mundo tão bem-sucedida como a da Rússia.

Na sequência, o presidente americ…

General americano: ainda há focos de resistência do Daesh em Mossul

A eliminação completa dos terroristas do Daesh da cidade de Mossul levará mais algumas semanas, disse o general norte-americano, que comanda a operação contra o grupo jihadista, Stephen Townsend.


Sputnik

"Ainda há focos de resistência em Mossul. E esconderijos [dos militantes]. Pode levar semanas para 'limpar' a cidade", disse Townsend durante um briefing em Bagdá.

Tanques do exército iraquiano atacam terroristas em Mossul
Tanque do exército iraquiano em Mossul © REUTERS/ Alaa Al-Marjani

O primeiro-ministro do Iraque, Haider al-Abadi, anunciou nesta segunda-feira a vitória oficial contra o Daesh em Mossul, segunda maior cidade do país, controlada pelos terroristas por mais de três anos.

A operação para libertação de Mossul teve início em outubro do ano passado. A ofensiva foi realizada pelas tropas de elite, pela Polícia Federal e pelo Exército do Iraque, com apoio das forças curdas. A aviação da coalizão internacional, liderada pelos EUA, ofereceu suporte aéreo.

A libertação de Mossul vem sendo antecipada pelo governo do Iraque e pela coalizão há meses.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas