Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Kremlin sobre tropas na fronteira com Ucrânia: exército russo não deve satisfações

O porta-voz do presidente da Rússia, Dmitry Peskov, ao comentar as informações sobre os reforços militares russos na fronteira com a Ucrânia, declarou que a Rússia pode alterar a configuração das Forças Armadas no âmbito de suas fronteiras do jeito que considerar mais adequado.


Sputnik

"A Federação da Rússia pode alterar a configuração das Forças Armadas, no âmbito do seu território, de acordo com o que considerar mais adequado, em primeiro lugar", disse Psekov, ao comentar as notícias sobre a concentração de unidades militares russas na fronteira com a Ucrânia.


Equipamento militar na preparação do ensaio da Parada da Vitória em Moscou
Tropas russas em preparação para o Dia da Vitória © Sputnik/ Maksim Blinov

Quando aos detalhes dos deslocamentos militares, o representante do Kremlin sugeriu entrar em contato com o ministério da Defesa da Rússia.

Mais cedo, o Comando-Maior da Ucrânia informou que a Rússia tem ampliado sua presença militar na fronteira com a Ucrânia, tendo deslocado para a região três novas divisões motorizadas.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas