Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Radicais sírios estariam recebendo armamento dos EUA através da fronteira com Jordânia

Enquanto o exército sírio parece estar pronto para uma grande ofensiva na província de Daraa, os grupos radicais que operam na região estariam recebendo grandes remessas de material bélico "Made in USA".
Sputnik

Os grupos militantes que atuam no sul da Síria receberam uma grande quantidade de armas e munições fabricadas nos EUA, incluindo mísseis antitanque TOW, informou a agência de notícias FARS.

De acordo com a FARS, o armamento foi entregue através da fronteira com a Jordânia no âmbito de um novo plano dos EUA para assegurar mais apoio a estes grupos na Síria.

A agência informou também que os grupos militantes na província de Daraa começaram a se preparar para impedir a ofensiva do exército sírio.

No início deste mês, o exército sírio intensificou as ações no sudoeste do país, controlado por radicais, perto da fronteira com a Jordânia e as Colinas de Golã, ocupadas por Israel.

O Ministério da Defesa da Rússia acrescentou que as forças do governo sírio, apoiadas por um grande a…

Marinha do Irã realiza exercícios navais de grande porte no mar Cáspio (VÍDEO)

O exército iraniano enviou os seus mais novos navios de guerra, sistemas de mísseis e unidades de comando para o mar Cáspio, onde realiza grandes exercícios navais de cinco dias desde este domingo, informou a agência de notícias IRNA.


Sputnik

Ahmadreza Baqeri, comandante da Primeira Zona Naval do Irã, disse que o exercício "traz a mensagem de paz e de amizade, enquanto aperfeiçoam as capacidades navais do Irã no mar Cáspio", citou as suas palavras a agência de notícias Mehr.


Destróier iraniano Jamaran no Golfo Pérsico, fevereiro de 2009
Destroier iraniano Jamaran © AFP 2017/ EBRAHIM NOUROZI

Apesar de poucos detalhes revelados sobre os exercícios, o vice-chefe de operações navais do Irã, Amir Mahmoud Mousavi, disse que os militares estão testando as armas e equipamentos de ponta, incluindo sistemas de mísseis terra-mar, bem como os sistemas de vigilância e de inteligência. As unidades de mergulho e as equipes de fuzileiros navais de elite também devem participar.

Os militares contarão com caças e sistemas de defesa aérea para garantir a segurança durante os exercícios.

O ministério da Defesa do Irã também planeja testar novos sistemas e armas, incluindo itens nunca exibidos antes, informou Mehr.

As atividades serão realizados em um área considerável do mar Cáspio e durarão cinco dias, de acordo com a mídia local.

No início deste ano, as forças armadas do Irã realizaram vários exercícios militares em uma aparente tentativa de enviar uma mensagem aos seus inimigos. Durante o estágio final dos exercícios navais em março deste ano, a marinha testou um sistema modernizado de torpedos Valfajr.

Os torpedos Valfajr foram integrados à Marinha iraniana em 2011. A arma foi projetada para atacar alvos marítimos, incluindo grandes embarcações. O torpedo carrega uma ogiva de 220 quilos, capaz de incapacitar alvos em diferentes profundidades e em diversas condições climáticas.

Em janeiro deste ano, militares iranianos também realizaram exercícios navia de grande porte entre o Estreito de Ormuz e mar de Omã.





Postar um comentário

Postagens mais visitadas