Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

OTAN está muito irritada com comportamento de pilotos russos

Os países membros da OTAN vão acusar a Rússia de “comportamento perigoso” dos pilotos militares nos céus sobre o Báltico.


Sputnik

Durante o próximo Conselho Rússia-OTAN marcado para o dia 13 de julho em Bruxelas, os países membros da Aliança pretendem discutir "os movimentos perigosos" dos pilotos russos nos céus do Báltico, comunicou o jornal Politico na quarta (12).

Piloto de caça russo Su-30 da Força Aeroespacial russa
Piloto russo em um caça Sukhoi Su-30 © Sputnik/ Ministério da Defesa russo

"Os membros da OTAN, estando fortemente irritados, vão expressar ao Kremlin a sua desaprovação das manobras agressivas e perigosas dos pilotos militares russos nos céus do mar Báltico, incluindo seu comportamento perigoso durante as intercepções", indicou o jornal Politico citando uma fonte anônima da OTAN.

Entretanto, o ministério russo da Defesa tinha repetidamente sublinhado que todos os voos de aviões da Força Aeroespacial russa são realizados em completa conformidade com as regras internacionais no que diz respeito à utilização do espaço aéreo nos céus sobre as águas neutrais sem violar as fronteiras de outros Estados.

O Conselho Rússia-OTAN se reunia regularmente antes de ter sido suspenso após a crise na Ucrânia em 2014. As reuniões se reiniciaram em 2016.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas