Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

OTAN está muito irritada com comportamento de pilotos russos

Os países membros da OTAN vão acusar a Rússia de “comportamento perigoso” dos pilotos militares nos céus sobre o Báltico.


Sputnik

Durante o próximo Conselho Rússia-OTAN marcado para o dia 13 de julho em Bruxelas, os países membros da Aliança pretendem discutir "os movimentos perigosos" dos pilotos russos nos céus do Báltico, comunicou o jornal Politico na quarta (12).

Piloto de caça russo Su-30 da Força Aeroespacial russa
Piloto russo em um caça Sukhoi Su-30 © Sputnik/ Ministério da Defesa russo

"Os membros da OTAN, estando fortemente irritados, vão expressar ao Kremlin a sua desaprovação das manobras agressivas e perigosas dos pilotos militares russos nos céus do mar Báltico, incluindo seu comportamento perigoso durante as intercepções", indicou o jornal Politico citando uma fonte anônima da OTAN.

Entretanto, o ministério russo da Defesa tinha repetidamente sublinhado que todos os voos de aviões da Força Aeroespacial russa são realizados em completa conformidade com as regras internacionais no que diz respeito à utilização do espaço aéreo nos céus sobre as águas neutrais sem violar as fronteiras de outros Estados.

O Conselho Rússia-OTAN se reunia regularmente antes de ter sido suspenso após a crise na Ucrânia em 2014. As reuniões se reiniciaram em 2016.

Postar um comentário