Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha e Aeronáutica do Brasil auxiliam buscas a submarino argentino desaparecido, diz ministro

Segundo Raul Jungmann, três navios e um avião brasileiros já foram disponibilizados. Última vez que o submarino militar com 44 pessoas a bordo manteve contato com a base foi na quarta-feira (15).
Por G1, Brasília

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, publicou em seu perfil no Twitter neste sábado (18) que três navios da Marinha brasileira "já estão auxiliando" nas buscas a um submarino argentino que desapareceu com 44 tripulantes a bordo.

Ainda segundo o ministro, a Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou um avião para também ajudar na procura pelo submarino e um segundo avião "será deslocado para apoiar as buscas do submarino argentino desaparecido" a partir deste domingo (19).

O submarino militar ARA San Juan manteve contato com a base pela última vez na manhã de quarta-feira (15), quando estava no sul do Mar Argentino, a 432 quilômetros da costa patagônica do país.

De acordo com a FAB, o primeiro avião disponibilizado pelo Brasil decolou, com 18 tripulantes, às 17…

Israel demonstra interesse na variante STOVL do F-35

As novas ameaças enfrentadas por Israel incentivaram a potencial compra da variante de decolagem curta e pouso vertical (STOVL) do caça Lockheed Martin F-35B como uma alta prioridade


Poder Aéreo

Estão em curso discussões, com o ministério de defesa de Israel, na expectativa de chegar a uma decisão antes que um novo acordo de 10 anos de financiamento militar estrangeiro com os EUA entre em vigor em 2019.

Lockheed Martin F-35B Lightining II

As entregas dos F-35I de decolagem e pouso convencional para a Força Aérea Israelense (IAF) continuam, com o serviço até agora tendo encomendado 50 exemplares. O esquadrão “Águia de Ouro” que opera o “Adir” e o esquadrão de teste de voo da IAF continuam a adaptar o caça furtivo para atender aos requisitos específicos da nação, com este trabalho, incluindo a adição de vários sistemas desenvolvidos por Israel.

O requisito inicial de Israel era de 75 caças F-35 e a necessidade de substituir os antigos caças Boeing F-15 — o mais antiga entregue em 1976 — está se tornando uma questão de alta prioridade.

Fontes indicam que a IAF terá que escolher entre obter F-35 adicionais — potencialmente incluindo exemplares STOVL — ou uma versão avançada do F-15. Nenhum detalhe foi revelado sobre a variante potencial do F-15 em que as avaliações estão sendo baseadas, mas espera-se que ela seja capaz de carregar uma carga de armas expandida.


Postar um comentário